Sistema de CFTV: suas aplicabilidades e vantagens

Por Claudio Gaspari

O Sistema de CFTV- Circuito Fechado de TV- como o próprio nome diz, é um sistema onde imagens são capturadas, tratadas e armazenadas para futura consulta. Os sistemas de CFTV são utilizados para os mais variados fins, desde segurança patrimonial até melhoria de processos de produção, automação de processos, identificação automática de avarias e falhas, entre muitos outros.

Nos sistemas mais simples as imagens de um ambiente, objeto ou pessoa são captadas por meio de dispositivos comumente chamados de câmeras de vídeo e transmitidos para dispositivos de gravação física ou em nuvem, onde podem ser consultados local ou remotamente. Existem sistemas mais sofisticados que fazem a análise automática de vídeo e que são capazes de identificar anormalidades nos padrões pré-estabelecidos sem nenhuma interferência humana e inclusive tomar ações preventivas e corretivas, também sem interferência humana. O mesmo se aplica a sistemas sofisticados de leitura de caracteres (OCR) e biométrica (identificação facial e por íris).

E quais são as vantagens de uma empresa ter esse tipo de sistema, essa é a questão central aqui. Isso irá depender de cada aplicação. Se utilizado, por exemplo, como ferramenta de vigilância, ele aumenta sobremaneira o nível de segurança de um determinado local, aumentando a eficiência no controle da circulação de pessoas, liberação de veículos, identificação e invasões e também representa uma forte redução de custos na mão de obra de vigilantes, porteiros e recepcionistas. Já na área de produção pode ser utilizado na melhoria dos sistemas de controle de qualidade, na segurança do trabalho, na automatização de processos entre tantos outros, aumentando a produtividade e reduzindo perdas.

A importância do armazenamento das imagens

Existem três tipos básicos de armazenamento de imagens. Na própria câmera de vídeo por meio de cartões de memória que são indicados para aplicações simples em residências, veículos particulares e pequenos comércios, pois a capacidade de armazenamento é pequena bem como deixa o sistema bastante vulnerável. Também pode ser armazenado em estruturas locais como servidores, NVRS e DVRS, que podem estar acomodados no próprio local onde o sistema atua ou em um local distante ou ambos ao mesmo tempo, necessitando para isso que haja uma conectividade entre esses pontos para que o sinal seja transmitido (internet, 4G, etc). Pode ser em Nuvem, onde toda a infraestrutura de armazenamento e processamento das imagens ficam hospedadas em uma parte de uma estrutura maior, protegida de falhas e ataques de qualquer tipo, como quedas de energia, quedas de sinal de internet uma vez que possui várias redundâncias de sinal e até mesmo de acidentes naturais.

Sem as imagens armazenadas corretamente perde-se o acervo de eventos acontecidos dentro de um espaço de tempo no passado, impedindo que esse acervo seja consultado. Além disso, os sistemas de análise de vídeo precisam necessariamente de um sistema de gravação de imagens para funcionar corretamente, pois as imagens recebidas são gravadas e posteriormente analisadas por um poderoso software. Aliás, os sistemas de analise de vídeo já evoluíram tanto que alguns deles, mais sofisticados, já conseguem fazer o processamento das imagens na própria câmera com gravação local, que permite o sistema funcionar mesmo que haja queda na conexão com os servidores.

Somente empresas especializadas são homologadas e certificadas pelos principais fabricantes mundiais de equipamentos. Isso garante que o cliente possa extrair 100% das funcionalidades de qualquer sistema. Além disso, apenas as empresas homologadas poderão fornecer a garantia de instalação exigida pelo fabricante para que a garantia de fábrica do sistema seja exigível. São as empresas especializadas que possuem um corpo técnico qualificado para desenvolver projetos que realmente atendam as necessidades dos clientes, utilizando equipamento adequados e na quantidade certa para cada utilização e otimizando, assim, a relação custo x benefício do sistema como um todo.

Claudio Gaspari é especialista em segurança e diretor presidente da Veotex.

Notícias Relacionadas

Destaque

Autoridades chinesas exigem instalação de câmeras de vigilância dentro de casas alugadas

Na China, o medo orwelliano de um Estado “Grande Irmão” está se tornando realidade, já que os cidadãos que moram…

Destaque

Western Digital amplia portfólio para clientes de data center e nuvem

Western Digital anunciou dois lançamentos ao seu amplo portfólio de sistemas, plataformas, SSDs e unidades de memória baseados em NVMe,…

Destaque

Uber anuncia contrato com Serpro para checar dados de veículos e motoristas em tempo real

A Uber e o Serpro, empresa de TI do Governo Federal, anunciaram o fechamento de contrato de âmbito nacional. Por…