São Paulo deve ter 240 câmeras de segurança em 120 pontos de ônibus

A Secretaria Municipal de Segurança Urbana de São Paulo (SMSU) e a empresa Otima vão firmar um convênio para a instalação de 240 câmeras de monitoramento em 120 abrigos de ônibus na cidade.

A proposta do termo de cooperação foi publicada no último sábado, 05 de outubro, mas o processo entre as duas partes começou em 2018.

Não haverá contraprestação financeira em favor da empresa Otima, que é responsável pela manutenção e instalação de totens e abrigados de paradas de ônibus.

Foi aberto o prazo de cinco dias para manifestações de outras empresas interessadas, o que dificilmente vai ocorrer já que a Otima possui a concessão exclusiva das paradas de ônibus.

De acordo com a minuta do termo de colaboração, o convênio terá duração de dois anos. Os abrigos escolhidos serão os que possuem publicidade e sinal de Wi-Fi.

Os locais serão definidos pela SMSU com base em estatísticas criminais e as imagens serão geradas em tempo real por meio da plataforma na City Câmeras, da cidade de São Paulo.

Segundo a proposta, a Otima só vai ser responsável por ceder os espaços, sem necessidade de investimentos nos equipamentos.

“A OTIMA disponibilizará, apenas e tão somente, a estrutura física dos 120 abrigos, não arcando com nenhum tipo de custo e/ou despesa adicional.”

O objetivo da ação é coibir crimes de ordem sexual, roubos e furtos que ocorrem nas imediações dos pontos de ônibus.

A cidade possui 6.500 abrigos e mais de 13 mil totens de parada de ônibus.

Notícias Relacionadas

Destaque

CentralSquare e Genetec fazem parceria para levar vídeo em tempo real aos socorristas

O CentralSquare, desenvolvedora de software de segurança pública, anuncia que firmou uma parceria com a Genetec. A parceria combina as…

Destaque

Segurança eletrônica é mais do que apenas equipamentos

O mercado da segurança eletrônica é um dos que mais cresce e um dos que gera mais emprego e renda…

Destaque

Policiais poderão fazer reconhecimento facial de suspeitos nas ruas usando câmera do celular

Ainda neste mês de outubro, policiais poderão fazer reconhecimento facial de suspeitos sem identificação em abordagem nas ruas com nova…