PPA entra no mercado de câmeras de seguranças

Com aquisição da Citrox, empresa passa a dispor de portfólio completo de segurança eletrônica

Líder na América Latina no segmento de automatizadores de portões, a PPA está investindo fortemente no segmento de câmeras eletrônicas. Em 2019, a empresa comprou a Citrox, fabricante de câmeras de segurança, que tem plantas em Santa Rita de Sapucaí, em Minas Gerais, e na Zona Franca de Manaus.

Agora, ambas plantas estão em fase de expansão. A fábrica de Santa Rita, que tinha 500 m² de área, passou para 2.595 m² e a da Zona Franca saltou de 908 m2 para 4.500 m². Além de abastecer a extensa rede de distribuidores da PPA no Brasil, o investimento nas novas fábricas terá como objetivo atender o mercado externo.

“Nos últimos anos, vimos a necessidade de nosso distribuidor ter a solução completa para a segurança da casa do usuário. O instalador vai até o distribuidor e procura não só o automatizador, não só a cancela. Ele quer ter uma câmera, ele quer ter uma cerca elétrica, quer achar tudo o que ele precisa naquele local”, explica a diretora de marketing da empresa, Mariane Peres.

Transformada em linha de produtos da PPA, a Citrox oferece soluções avançadas em CFTV e controle de acesso. Um dos destaques é a recém-lançada Câmera Bullet 2MP 2.8mm JetColor, com imagem analógica em alta resolução Full HD e geração de imagens coloridades 24 horas por dia. Dotada de sensor de imagem 1/ 2.8” e lente 2.8 mm F1.4 com amplo ângulo de visão, a câmera dispõe, ainda, de LED branco com alcance de até 20 metros.

Com o nome já consolidado no mercado de câmeras de segurança, a Citrox lançou, em 2020, a controladora facial Smart Face, com velocidade de detecção inferior a 0.5 segundos. O produto conta, também, com uma ferramenta de múltiplo reconhecimento, que permite detectar a face de mais de uma pessoa num mesmo enquadramento.

Além disso, a Smart Face identifica o número de pessoas que estão diante da câmera. É possível cadastrar até 20.000 faces na controladora, com cartões e senhas. A controladora pode ser usada de maneira independente ou através do software da Citrox, Access Control Web, disponível de forma gratuita.

Notícias Relacionadas

Destaque

Número de condomínios que utilizam portaria remota cresce 86% em 3 anos

Uma pesquisa realizada pela plataforma SíndicoNet em 2021 com 957 gestores de São Paulo mostra que 15,4% dos entrevistados migraram…

Destaque

Os três principais benefícios do vídeo inteligente para varejistas

Fala-se muito sobre como a análise de dados pode melhorar as operações de varejo. Mas, de acordo com Andy Martin,…

Destaque

Congresso ISC Brasil vai trazer novas tecnologias e tendências do setor de segurança integrada

Evento está incluído na pauta de atrações da exposição, que será presencial e realizada de 21 a 23 de setembro,…