Câmera inteligente: 9 formas de potencializar o videomonitoramento

O grande diferencial de uma câmera inteligente é poder contar com inteligência artificial. Na prática, isso significa ir além da captação simples de imagens e partir para a análise automática do que é monitorado. Elas podem ampliar a segurança em empresas e gravam imagens de alta definição, que proporcionam nitidez e riqueza de detalhes.

Embora alguns modelos analógicos também possam ter algum tipo de inteligência, as câmeras de tecnologia IP são as mais conhecidas entre as câmeras com inteligência. Elas utilizam o tráfego de dados (de áudio, vídeo, etc.) em rede.

Entre as vantagens desse sistema podemos destacar imagens em alta definição, capacidade de raciocínio humano — detecta padrões e toma decisões com base em dados. Além disso, a instalação dispensa a necessidade de mudanças estruturais no ambiente.

A tecnologia de ponta abre espaço para uma série de possibilidades para reforçar a segurança de condomínios, empresas, indústrias e espaços públicos.

Câmera inteligente X monitoramento tradicional

A inteligência artificial (IA) é uma tendência em diversos setores, entre eles o de videomonitoramento. Essa tecnologia imita a inteligência humana, com capacidade de raciocínio, aprendizagem, reconhecimento de padrões e aplicação na análise de situações e solução de problemas.

No sistema de monitoramento tradicional, as imagens das câmeras são transmitidas para uma central. Lá, um profissional é responsável por acompanhar e encontrar sinais suspeitos, que possam representar um risco para a segurança.

Caso algo fora do comum ocorra, o profissional deve tomar uma ação para evitar danos materiais, furtos e outros crimes. Esse processo, no entanto, é bastante sujeito a falhas, uma vez que a atenção humana é limitada. Por isso, aliar o monitoramento tradicional com a inteligência artificial é um simplificador do trabalho desses especialistas.

Nos sistemas de segurança, as câmeras inteligentes conseguem capturar informações, identificar incidentes e emitir alertas conforme a programação. Neste caso, a inteligência artificial tem o papel de auxiliar o profissional de segurança, alertando caso algo esteja errado e permitindo que ele tome a atitude necessária.

As câmeras CFTV IP com IA utilizam tecnologia de última geração para otimizar o trabalho de segurança. O sistema integrado ao dispositivo faz o monitoramento e análise das imagens, baseadas em padrões e dados. Assim, pode compreender a rotina, detectar movimentações suspeitas e, inclusive, alertar sobre possíveis ações criminosas.

9 funções que uma câmera inteligente pode ter

As câmeras inteligentes têm muitas funções e utilidades, tanto para grandes projetos de segurança quanto para os mais simples. A seguir, veja algumas das funções dessa tecnologia.

1. Reconhecimento facial
Um dos recursos de inteligência artificial com maior procura é o reconhecimento facial. Grandes empresas e governos têm aplicado a tecnologia para fazer controle de acesso em áreas restritas e encontrar criminosos, por exemplo.

Câmeras inteligentes, controladores de acesso com reconhecimento facial e até autenticação por biometria em smartphones são capazes de identificar pessoas por meio da leitura de traços do rosto, como a distância entre os olhos, o comprimento do nariz, o tamanho do queixo e a linha da mandíbula.

2. Banco de dados de biometria facial
Há a possibilidade de integrar um banco de dados de biometria facial — como as fotos e informações de cadastro do RH de uma empresa — ao sistema de monitoramento. Com isso, a câmera consegue reconhecer e alertar caso alguém procurado ou que não tenha autorização de acesso esteja presente no local.

3. Redução de alarme falso
O alarme falso é um dos grandes problemas de um sistema de segurança, uma vez que compromete a confiabilidade e leva a ações desnecessárias. Uma câmera inteligente evita essas situações, pois é capaz de diferenciar quando, por exemplo, é um animal de pequeno porte e não um humano que rompeu a barreira de segurança.

4. Cerca e linha virtual
Conhecida como inteligência perimetral, essa tecnologia é fundamental para ambientes que precisam de um monitoramento mais refinado, isto é, que permita diferenciar situações específicas e diferentes do cotidiano, as quais podem representar ameaças. Esse dispositivo identifica, classifica e monitora os elementos presentes no local, a fim de identificar ocorrências, indicando o que precisa de mais atenção.

As câmeras inteligentes, assim como sensores de alarme, permitem delimitar uma cerca ou linha virtual para proteger ambientes e objetos.

Sempre que alguém ou algo cruzar essa barreira, o dispositivo emite um alerta. Pode ser tanto uma única linha reta, que funciona como um muro, quanto um espaço cercado por quatro lados, como uma vaga de garagem. Caso um incidente ocorra, um alarme, que pode ser uma sirene, por exemplo, será imediatamente acionada.

5. Detector de movimento
A câmera inteligente pode detectar movimentação no ambiente que está sendo monitorado. Assim, caso um indivíduo invada o local, tenha alguma atitude suspeita, sofra uma queda, identifique alguma violência, entre outras situações, a central de monitoramento é acionada. Como mencionamos anteriormente, essa análise é inteligente e consegue diferenciar quando há a presença de um animal de pequeno porte, evitando alarmes falsos.

6. Abandono e retirada de objetos
Uma das funções da câmera inteligente é perceber se um objeto é retirado ou abandonado em uma área predeterminada. Esse recurso é muito útil para lojas que expõem produtos de alto valor em prateleiras ou mesmo em ambientes maiores, como aeroportos.

7. Leitura automática de placas de veículos
Para locais que precisam fazer o controle de acesso de veículos ou mesmo para o controle de circulação em ruas, estacionamentos e estradas. Essa função das câmeras inteligentes permite ler com precisão as placas mesmo a uma grande distância, dependendo do modelo e aplicação. Assim, pode tanto permitir acesso — quando integrada a um banco de dados — quanto servir de apoio na busca por carros roubados ou por fugitivos.

8. Contagem de pessoas
Para locais de grande circulação de pessoas, controle de lotação em eventos fechados e identificar aglomerações, a câmera inteligente é uma ótima solução. Ela faz a contagem de pessoas, informando quando há algo fora do esperado.

9. Mapa de calor
O mapa de calor é um recurso inteligente encontrado em algumas câmeras de monitoramento que possibilita identificar e analisar os locais onde há maior fluxo de pessoas e traçar estratégias de marketing e vendas, em lojas e supermercados, por exemplo, ou simplesmente para monitorar a segurança no local.

Exemplos locais que podem instalar câmeras inteligentes

As câmeras inteligentes podem contribuir para empresas de diversos setores, como comércio, entretenimento e turismo, especialmente quando integradas com outras tecnologias.

• Indústrias: pode ser utilizado tanto na segurança da empresa, como vigilância e controle de acesso, quanto para o monitoramento dos produtos, por exemplo, alertando em tempo real quando uma esteira está fora do eixo ou um produto sofrer uma queda;

• Comércios (lojas, shoppings, bares e restaurantes): monitoramento de comportamento dos colaboradores, fornecedores e clientes. Dessa forma, é possível corrigir interações, atitudes suspeitas, processos falhos e aplicar estratégias de marketing, uma vez que o dispositivo e o software de gestão fornecem informações importantes para a tomada de decisão;

• Aeroportos e Portos: monitora o fluxo de pessoas e veículos de transporte de mercadorias. Por exemplo, o sistema de monitoramento permite visualizar, identificar e registar placas, tornando a fiscalização e gestão mais ágil e eficaz;

• Arenas Esportivas e Clubes: as câmeras inteligentes detectam movimento e sinais sonoros. Com isso, o dispositivo alerta profissionais de segurança sobre movimentações em áreas específicas, o que ajuda no combate de violações no ambiente, como pichação, invasão, violências físicas, arrombamentos e vandalismo.

Contar com inteligência em monitoramento é contar com o que há de mais inovador nesse ramo. As possibilidades são muitas, e colaboram para potencializar a segurança, confiabilidade e assertividade dos sistemas.

Fonte: Intelbras

Notícias Relacionadas

Cases

Grupo Unidasul adota solução óptica Furukawa em centro de distribuição e em novas unidades no Rio Grande do Sul

Com a expansão de sua rede de supermercados Rissul e de atacarejos Macromix pelo estado do Rio Grande do Sul,…

Destaque

Datacenters precisam de vigilância RSA para garantir segurança

Esta ferramenta do Genetec Security Center combinado ao uso dos sensores existentes ajuda a lidar proativamente com ameaças antes que…

Destaque

Como a tecnologia pode aprimorar a segurança em cidades inteligentes?

Apesar de o conceito de cidade inteligente ser relativamente recente, ele já se consolidou como assunto fundamental na discussão da…