Adistec Brasil anuncia reestruturação na área comercial

Com a divisão da área de vendas das Unidades de Data Centers e Segurança, a fim de garantir melhor atendimento aos parceiros, companhia prevê um crescimento de 25% no faturamento em 2021 em comparação ao ano anterior

A Adistec Brasil, distribuidora de valor agregado com foco em infraestrutura para Data Centers e Segurança da Informação, anuncia uma reestruturação em seu modelo de atendimento ao ecossistema de parceiros com a criação de duas áreas de vendas para as Unidades de Data Centers e Segurança. Com o novo modelo de atuação, a empresa busca aprimorar o atendimento comercial entre fabricantes e seus canais parceiros.

A unidade de Data Centers será liderada pelo executivo Fábio Matos, e a vertical de Segurança, por Emerson Lima. “A ideia é trabalhar em um modelo que promova um atendimento mais consultivo e especializado aos nossos canais. Essas mudanças estão no plano de expansão da Adistec no mercado brasileiro e reforça o foco da companhia em crescimento, sustentabilidade de resultados e geração de valor aos nossos parceiros”, explica Matos.

A partir da nova estrutura, a Adistec prevê um crescimento de 25% no faturamento em 2021 em comparação ao ano anterior. De acordo com Matos, para consolidar essa meta, e seguir com o atendimento das necessidades dos canais e seus respectivos clientes, a distribuidora também prevê o fomento das vendas de produtos com a entrada de novos fabricantes em seu portfólio e, consequentemente, investimentos em capital humano. “Como distribuidora de valor agregado, nossa missão permanece a mesma: focar na manutenção da proximidade com o canal a fim de apoiá-lo na geração de novos negócios, de ponta a ponta”, diz.

Emerson Lima reforça que esse crescimento também será alcançado por meio da expansão da capilaridade, principalmente nas regiões Norte e Nordeste para a Unidade de Data Center e Centro-Oeste e Sul para a Unidade de Segurança, ao agregar novos parceiros de negócios estratégicos nessas localidades, consideradas promissoras na visão do executivo. “Nosso principal desafio é apoiar as empresas locais na jornada de transformação digital que, inegavelmente, todas precisam passar. O nosso conhecimento regional, somado a um portfólio completo e moderno de produtos e serviços que são fundamentais nessa estratégia, é o diferencial desta nova operação”, ressalta Lima.

Notícias Relacionadas

Cibersegurança

Entenda que é um apagão cibernético e quais são os riscos

Uma falha de grande magnitude, que compromete o funcionamento de sistemas interconectados e, portanto, pode afetar uma porção significativa dos…

Destaque

Dahua Technology potencializa suas capacidades verdes de P&D

Iniciativa contribui com redução de embalagens plásticas e utilização de material renovável no processo de produção A Dahua Technology destaca…

Em Foco

CEO da Pumatronix fala sobre as estratégias de crescimento e inovação no mercado de segurança

Com forte atuação no setor de monitoramento de trânsito, a empresa brasileira planeja expansão e investimentos em P&D para ampliar…