Prevenção de riscos e monitoramento ativo são novos conceitos em segurança patrimonial

O mercado de segurança passa por profundas transformações movidas pela necessidade de profissionalização. O processo de mudança exige que o atendimento ao público seja mais humanizado, considerando a individualidade e oferecendo respeito às pessoas. Em seus mais de 20 anos de atuação, a Verzani & Sandrini Segurança observou a demanda do mercado e investiu em novos paradigmas, que resultaram na profissionalização e consolidação dos processos de segurança patrimonial e de vigilância eletrônica. 

“Hoje, por exemplo, há um entendimento muito maior quanto à necessidade e importância de se adotar projetos sistêmicos e customizados, pensados para solucionar as vulnerabilidades do patrimônio, em vez de soluções genéricas – que, frequentemente, têm alto custo e, mesmo assim, podem ser insuficientes”, afirma Cesar Leonel, Diretor Executivo da Verzani & Sandrini Segurança. Em resposta a essa e outras mudanças, a empresa lança um novo posicionamento de mercado, baseado em processos, pessoas e tecnologia.

Sem saber exatamente como distribuir câmeras de monitoramento ou como reagir adequadamente em casos de ocorrência, muitos proprietários de estabelecimentos, como indústrias, edifícios residenciais e comerciais, instituições de ensino, farmácias, entre outros, estavam mais expostos às ameaças do que efetivamente protegidos. “Quase todo estabelecimento do Brasil conta com um ou mais mecanismos pensados para sua proteção, no entanto, muitos desses aparelhos foram e ainda estão empregados de forma ineficaz. Isso gera uma falsa sensação de proteção, quando, na verdade, as eventuais falhas podem representar um perigo real para esses patrimônios e às pessoas”, explica Cesar. 

Foi justamente o avanço desse entendimento que levou ao amadurecimento do mercado, fazendo nascer uma nova demanda. Assim, em resposta à mudança de cenário, a Verzani & Sandrini Segurança desenvolveu seu novo conceito. “Desde que começamos a operar, buscamos oferecer mais tranquilidade e eficiência às operações, empresas e residências de nossos clientes. Agora, os processos, as pessoas e a tecnologia estarão ainda mais no cerne da nossa operação, de forma que possamos aplicar máxima inteligência às nossas soluções”, conta o Diretor Executivo.

O novo momento da Verzani & Sandrini Seguranças não se limitou ao posicionamento humanizado e no investimento em modernização. Uma nova marca surge, reunindo todas as soluções oferecidas pela empresa no segmento, com identidade visual que traduz esse novo conceito. “A Verzani & Sandrini Segurança surge com a proposta de ser destaque no mercado que atua, com a confiança já conhecida por seus clientes e parceiros, mas oferecendo soluções mais completas e inovadoras”, afirma Gauthama Nassif, Diretor Executivo de Mercado, Inovação e Marketing da Verzani & Sandrini

Preditividade é a palavra de ordem

O foco na preditividade ganha ainda mais força no novo posicionamento da Verzani & Sandrini Segurança. Com a antecipação de riscos, os clientes evitam prejuízos e ganham maior controle da ocorrência, conquistando tranquilidade e satisfação com o serviço prestado. Além disso, a ideia também é prover, cada vez mais, sistemas integrados de segurança que auxiliarão os clientes na detecção de ameaças com total eficiência.

“A inteligência para segurança é base dos nossos produtos. Para tanto, nosso ponto de partida será a análise e o diagnóstico que trarão as informações necessárias para o desenvolvimento de projetos com visão sistêmica. Desta forma, poderemos operacionalizar tudo o que for preciso para a instalação de um sistema integrado eficaz, que resulte em muito mais segurança para o patrimônio e proteção para as pessoas”, afirma Cesar.

Os novos processos desenvolvidos e aplicados na segurança patrimonial buscam atingir a qualidade e eficiência na proteção das instalações, aliando vigilantes treinados e capacitados e tecnologia de ponta para identificação e eliminação de vulnerabilidades. Ao contratar empresa especializada para desempenhar o serviço de segurança, o empresário tem a certeza de que evitará riscos com más condutas de profissionais e falhas em sua atuação.

Notícias Relacionadas

Destaque

Número de condomínios que utilizam portaria remota cresce 86% em 3 anos

Uma pesquisa realizada pela plataforma SíndicoNet em 2021 com 957 gestores de São Paulo mostra que 15,4% dos entrevistados migraram…

Destaque

Os três principais benefícios do vídeo inteligente para varejistas

Fala-se muito sobre como a análise de dados pode melhorar as operações de varejo. Mas, de acordo com Andy Martin,…

Destaque

Congresso ISC Brasil vai trazer novas tecnologias e tendências do setor de segurança integrada

Evento está incluído na pauta de atrações da exposição, que será presencial e realizada de 21 a 23 de setembro,…