NetSecurity comemora 20 anos de mercado

Há 20 anos, a NetSecurity entrava para o mercado de segurança da informação com o objetivo de agregar valor, levar conhecimento sobre a área, entregar soluções de excelência e construir uma reputação sólida.

Hoje a empresa conta com profissionais especialistas em segurança e parcerias com grandes players de hardware e software de cibersegurança, tanto para projetos externos quanto para os principais negócios da empresa: Serviços Gerenciados (MSS), Security Operations Center (SOC) e Suporte Especializado.

“Em 1999, já havia a necessidade de cibersegurança, nós queríamos ajudar as empresas nesse ponto. Hoje vemos uma maturidade do mercado incomparável em relação ao cenário em que a NetSecurity iniciou suas atividades, mas também temos novos desafios com a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) e ambientes multicloud”, destacou Carlos Gajardoni, CEO da NetSecurity.

Com mais de 200 clientes ativos em diversos segmentos como Financeiro, Varejo, Saúde, Construção e Governo, a NetSecurity expandiu suas operações em 2005 com uma filial nos Estados Unidos, no intuito de atender à crescente demanda de serviços. Gajardoni explica que as empresas multinacionais fundadas no Brasil preferem tratar com pessoas no idioma nativo e que conhecem as particularidades dos sistemas.

A companhia apresenta crescimento sustentável de 20% ano a ano, com estratégias de longo prazo. Ao longo de sua história, a NetSecurity manteve estabilidade, mesmo em anos atribulados da economia do país. Como parte do desenvolvimento da marca, a empresa investe em nova identidade visual e novas estratégias de marketing.

Um dos desafios apontados pelo CEO é a falta de mão de obra especializada em cibersegurança e a complexidade da legislação tributária e trabalhista brasileira, que muitas vezes dificulta a contratação destes profissionais especialistas no mercado como um todo. Para superar este obstáculo, a NetSecurity investe em sua equipe com programas de aprimoramento e estabilidade na carreira, algo não comum em empresas de TI.

Para o futuro, a empresa investe em MSS com o objetivo de atender a grande demanda com a chegada da LGPD. Com multas que podem atingir dezenas de milhões de reais, a nova lei pode causar impactos financeiros e estragos de reputação imensos. “Muitos clientes nos procuram preocupados, eles querem compreender melhor sobre o assunto para que consigam se estruturar. Nós já estamos prontos, com serviços e ferramentas para adequação, tanto em on premisses quanto para multicloud, oferecendo visibilidade e atendendo o compliance”, explicou Gajardoni.

Notícias Relacionadas

Destaque

Número de condomínios que utilizam portaria remota cresce 86% em 3 anos

Uma pesquisa realizada pela plataforma SíndicoNet em 2021 com 957 gestores de São Paulo mostra que 15,4% dos entrevistados migraram…

Destaque

Os três principais benefícios do vídeo inteligente para varejistas

Fala-se muito sobre como a análise de dados pode melhorar as operações de varejo. Mas, de acordo com Andy Martin,…

Destaque

Congresso ISC Brasil vai trazer novas tecnologias e tendências do setor de segurança integrada

Evento está incluído na pauta de atrações da exposição, que será presencial e realizada de 21 a 23 de setembro,…