Mercado mundial de tecnologia e serviços de segurança pode atingir US$ 240 bilhões até 2020

A consultoria alemã de pesquisa independente Statista avaliou que o mercado mundial de tecnologia e serviços de segurança teria crescimento de US$ 96,3 bilhões, em 2018. Conforme os dados, até 2020 o setor pode atingir até US$ 240 bilhões. O Brasil não fica atrás nesse mercado, que vem crescendo a cada ano em torno de 8%. Com isso, o setor gera mais renda e serviços, além de criar mais empregos. “Esse é um setor importantíssimo para a economia brasileira. Estamos otimistas em relação à melhora do país e, com isso, aumentamos a nossa capacidade de investimentos”, avalia Marcos Vinícius Ferreira, sócio Diretor Presidente do Grupo Esquadra, empresa de segurança privada com sede em Belo Horizonte, atuação em nove estados do Brasil, além do Distrito Federal.

A Esquadra conta atualmente com 7 mil colaboradores, mas o planejamento é ampliar e fechar 2019 com 10 mil funcionários. Para este ano, a empresa planeja um crescimento de 20%, em relação a 2018. Uma das principais alavancas para este crescimento é a ampliação de suas atividades em outras regiões do Brasil, como a Região Norte. “Mesmo com a crise na economia, que ainda não teve uma melhora significativa, não mudamos nossa maneira de fazer negócios. Sempre investimos e procuramos oferecer soluções alternativas para a nossa cartela de clientes”, avalia Marcos Vinícius Ferreira.

Outra boa notícia para os brasileiros é, sem dúvida, a queda dos índices de violência registrados nos últimos dois meses no País. A redução no número de assassinatos em comparação com o mesmo período do ano passado foi de 25%. Esse é o resultado do índice nacional de homicídios com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal. A pesquisa faz parte do Monitor da Violência, uma parceria do site G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da USP e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

De acordo com o levantamento, houve 6.856 mortes violentas no primeiro bimestre de 2019, diante de 9.094 assassinatos no mesmo período de 2018. Ou seja, uma queda de 25%. É para comemorar e muito, essa notícia. E podemos dizer que a tecnologia utilizada pelas Polícias Militar, em alguns estados brasileiros, é em grande parte a responsável pela queda desses índices. Um exemplo disso é a tecnologia embarcada utilizada pela PM do Maranhão, Região Nordeste do Brasil, em suas viaturas. A Tecway é a empresa responsável pelo fornecimento das viaturas (chamadas de plataformas móveis) que utilizam o sistema V.I.U Veicular, desenvolvido pela Veotex, que permite a gravação e transmissão ao vivo de áudio, vídeo e GPS (Global Position System).

“Com o sistema V.I.U. Veicular instalado nas plataformas móveis a PM consegue fazer um acompanhamento, em tempo real, da operação em todas as viaturas, até relatórios de mobilidade de um determinado período. O sistema de GPS é integrado ao sistema de gravação, de transmissão de áudio e vídeo, em tempo real. Isso permite que a PM não apenas conheça a localização das viaturas, mas tenha acesso ao que ocorre dentro e fora das mesmas, uma vez que cada viatura é equipada com microfones e câmeras internas e externas. Com toda essa integração, permite-se que a PM consiga tempo de resposta mais rápido, com atuações cada vez mais eficientes”, informa Claudio Gaspari, diretor presidente da Veotex, com escritórios em Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo.

Esse é apenas um exemplo de como a tecnologia pode e deve, cada vez mais, ser aliada das forças policiais no combate à criminalidade. Os bons resultados aparecem e o setor de segurança eletrônica que ano após ano vem contabilizando crescimento, só em 2018 faturou R$ 6,52 bilhões no país, alta de 8% frente ao ano anterior, promete investir em novas soluções tecnológicas que ajudarão no combate à violência e na melhoria da qualidade de vida dos brasileiros.

Notícias Relacionadas

Artigos

Classificadores de veículos contribuem para o monitoramento das rodovias e planejamento viário

Alexandre Krzyzanovski A classificação dos veículos que trafegam por uma via em diferentes categorias é essencial para os sistemas inteligentes…

Segurança Eletrônica

Sensor de presença, controle remoto e medidor de energia são as novidades na linha IoT da Khomp

A linha de Endpoints IoT Khomp acabou de ganhar oficialmente mais três integrantes: Sensor de Presença, Controle Remoto com 4…

Segurança Eletrônica

SC EXPO DEFENSE: Intelbras marca presença na feira e apresenta soluções inovadoras de segurança

A Intelbras apresenta na SC EXPO DEFENSE soluções inteligentes para cenários diversos das forças armadas e polícia civil e militar…