XCMG instala em sua fábrica no Brasil solução da Dyno Security que realiza triagem rápida de temperatura corporal

A XCMG, maior grupo de empresas na indústria de maquinário de construção da China, chegou ao Brasil em 2004 com o objetivo de introduzir os produtos chineses do setor no país. Após alguns anos de atuação no Brasil, a empresa viu a oportunidade de instalar uma fábrica no país, com o propósito de expandir e consolidar sua marca no mercado latino-americano. Foi assim que em 2014 a XCMG inaugurou a sua planta em Pouso Alegre, Minas Gerais, com uma área total de 1 milhão de metros quadrados, sendo quatro galpões principais de produção e mais de 10 instalações auxiliares, gerando as condições necessárias para a preparação de peças, solda, usinagem, montagem de máquina inteira e pintura. Atualmente, a XCMG está entra as cinco maiores fabricantes de máquinas para construção do mundo.

Devido do novo cenário global de pandemia provocado pelo novo coronavírus (COVID-19), o cuidado com a segurança e higiene dos mais de 500 colaboradores tornou-se a preocupação número 1 da XCMG. Por isso, a companhia instalou em sua fábrica uma solução de triagem rápida de temperatura corporal humana da Dyno Security, chamada DYNO DM60-W1.

O equipamento possui funções avançadas e fáceis de operar e manter, com imagem térmica (resolução 384 x 288) e CCD (1080P) que podem ser amplamente utilizadas em diferentes cenários. Também possui a vantagem exclusiva de poder detectar a temperatura humana com uma distância máxima de 10 metros, tornando a DYNO DM60-W1 a solução que oferece a maior distância do mercado, segundo a Dyno Security.

O produto pode trabalhar sob extremas temperaturas (entre 0°C e 40°C), tornando o equipamento aplicável em diferentes regiões e estações do ano. Também possui um blackbody inovador, que suporte aproximadamente 0,3°C de precisão. Além disso, a DYNO DM60-W1 tem a função de reconhecimento facial e alarme de temperatura anormal multiponto, os dados de medição de temperatura podem ser rastreados e pode suportar triagem rápida sem contato, o que pode evitar infecções cruzadas.

“A solução da Dyno Security pode evitar a infecção interna dos nossos colaboradores e ainda reduzir bastante o investimento em custos de mão de obra. Além disso, a solução térmica também contribui com a imagem da marca XCMG, com inovação de alta tecnologia”, disse Gabriel Zeng da XCMG.

Para Marcio Slizewski, comercial técnico da Dyno no Brasil, o equipamento pode contribuir com os desafios do coronavírus, com menor custo de mão de obra e melhorar a eficiência do gerenciamento. “O DYNO DM60-W1 é uma excelente solução para fábricas, empresas, hospitais com grande fluxo de visitantes, a solução térmica pode reduzir a infecção interna com alcance máximo. A XCMG escolheu a solução Dyno como parceira, principalmente por causa da tecnologia exclusiva da Dyno, do suporte profissional e do treinamento feito com excelência. A Dyno continuará apoiando mais parceiros no Brasil com nossas soluções profissionais”, afirmou Marcio.

Notícias Relacionadas

Segurança Eletrônica

Fortinet anuncia lançamento do FortiGate 4200F

A Fortinet, empresa  global em soluções amplas, integradas e automatizadas de segurança cibernética, anunciou o lançamento do FortiGate 4200F. Equipado…

Destaque

Flexibilização da quarentena requer condomínio seguro para evitar contágio do novo coronavírus

Elevar a segurança nos condomínios residenciais hoje vai além de controle por câmeras pela central de monitoramento e uso de…

Cibersegurança

Vazamento de dados de Bolsonaro expõe uma fragilidade crônica do Brasil em cibersegurança

Ao fim de janeiro deste ano, em Tel Aviv, em Israel, foi realizada uma das mais importantes feiras de tecnologia do mundo. Nada…