VAULT lança nova linha de controle de acesso sem fio

A Vault, marca do Grupo ASSA ABLOY Brasil, vai trazer com exclusividade sua nova Linha de Controle de Acesso sem Fios chamada Aperio, disponível globalmente e líder de vendas nos Estados Unidos e Europa.

As fechaduras que contam com tecnologia Aperio são alimentadas por pilhas e, por embarcarem a tecnologia HID multiCLASS SE, funcionam com praticamente todos os cartões de proximidade (1), além de suportarem credenciais móveis SEOS®, podendo ser abertas pelo celular.  Os dispositivos se conectam a um hub via comunicação sem fio IEEE 802.15.4 protegida por criptografia AES de 128. O hub, por sua vez, se comunica com o sistema de controle de acesso, o que oferece uma experiência de gestão de segurança unificada e de monitoramento e controle de acesso em tempo real, da mesma maneira que as soluções cabeadas.

A tecnologia Aperio é 100% integrada ao Vault Next e, por ser uma plataforma aberta, também é compatível com os melhores sistemas de controle de acesso do mercado com quem a ASSA ABLOY mantém uma parceria Global. É possível ainda integrá-la a qualquer controlador de acesso compatível com o protocolo wiegand.

 AH40 é um hub ethernet TCP/IP que pode ser alimentado por PoE, conecta até 16 fechaduras e é diretamente integrado ao Vault Next, dispensando o uso de controladores de acesso, o que diminui os custos da solução como um todo.

• AH30 é o modelo que utiliza RS-485 para comunicação com controladores de acesso de parceiros. Possui capacidade para até 8 fechaduras.

• AH20 possui interface wiegand para comunicação de 1 fechadura com praticamente qualquer controlador de acesso do mercado.

As fechaduras e a leitora foram idealizadas para possibilitar controle de acesso aonde antes não era possível ou era extremamente difícil. Serão três modelos de fechaduras e uma leitora sem fios que vão expandir as possibilidades dos sistemas de controle de acesso atuais:

• K100, projetada para armários e gavetas, pode controlar o acesso a medicamentos, documentos importantes e até proteger máquinas e equipamentos.

• KS100 protege racks de servidores contra acesso não autorizado e consequente vazamento de dados ou ações maliciosas.

• IN100 é para portas comuns, é perfeito para hospitais, hotéis e dormitórios de universidades. Como a instalação é muito simplificada, principalmente pelo fato de dispensar o uso de cabos, a instalação é feita com pouca ou nenhuma interrupção das operações.

• R100 é a leitora sem fios para controle de acesso em portas de vidro e portas especiais ou com algum valor histórico, em que não é possível fazer furos ou passar cabos.

A solução se mostra muito adequada para Hospitais que precisam proteger itens que são valiosos, como alguns medicamentos de alto custo e de uso controlado. Segundo pesquisas recentes, os índices de furtos a estes medicamentos são altos, o que causa milhões de reais em prejuízo todos os anos. É preciso encontrar formas de protegê-los.

As escolas e universidades poderão utilizar as soluções Aperio em armários que guardam documentos importantes, armários de estudantes e dormitórios, assim como os escritórios e as garagens.

Se a sua empresa quer ter acesso à oferta exclusiva das Soluções de Controle de Acesso sem Contato e sem Fio para demonstração e showroom, basta se inscrever aqui: https://tinyurl.com/ycyq45a6

(1) HID iCLASS®, HID iCLASS SE®, HID iCLASS® Seos ™, HID MIFARE® SE, HID DESfire® EV1 SE, MIFARE Classic e DESIFI EV1 e HID Prox®.

Notícias Relacionadas

Destaque

Grupo Prosegur lança solução de custódia de ativos digitais para mercado corporativo

O Grupo Prosegur lançou uma solução abrangente de gestão e custódia de ativos digitais chamada Prosegur Crypto. O serviço é…

Destaque

Intelbras realiza live para profissionais de segurança eletrônica

A Intelbras realiza no dia 24/11 um evento on-line exclusivo para profissionais de segurança eletrônica. Essa edição do future.now on-line terá…

Artigos

Dados são o novo petróleo! O que você tem feito com os seus dados?

Por Christian Visval e Fernando Só e Silva Estamos todos inseridos na denominada “revolução industrial 4.0” ou até melhor, na…