Teleinfo apresenta autoatendimento com medição de temperatura pelo pulso e checagem inteligente de uso de máscara

Com o retorno de algumas atividades, os estabelecimentos devem se responsabilizar pela medição da temperatura dos clientes e pela obrigatoriedade do uso de máscara. A tarefa tem sido delegada para seguranças e recepcionistas que ficam expostos ao vírus quando não é necessário. A Teleinfo Soluções anuncia para o mercado brasileiro o Self Checking, terminal de autoatendimento que confere a temperatura dos clientes pelo pulso – o que é mais assertivo – e só libera a entrada após a verificação do uso de máscaras através da tecnologia de reconhecimento facial quando integrado ao controle de acesso.

O sistema realiza a medição da temperatura através de um sensor termoelétrico infravermelho enquanto identifica se o usuário está usando máscara, em caso negativo, a solução reproduz um alerta de voz para solicitar que o acessório seja colocado para evitar contaminações. Toda operação demora cerca de 0,2 segundos e o totem pode atender até 30 pessoas por minuto – evitando filas na entrada, mas assegurando a segurança de todos.

“Quando integrada a um sistema de Controle de Acesso, em caso de Condomínios, Empresas e Indústrias, o sistema de reconhecimento facial dispensa o uso de cartões de acesso ou chaves e libera automaticamente a entrada de funcionários e moradores ao mesmo tempo em que identifica casos de febre, um dos sintomas de alerta para a Covid-19. A solução armazena até 10 mil faces e possui taxa de reconhecimento de 90% com máscara e 99% sem”, explica Luciana Cartocci, Diretora Executiva da Teleinfo.

Com a vantagem de não necessitar contato físico e de possuir tamanho compacto e fácil instalação, o terminal de autoatendimento e checagem é recomendado para Hospitais, Comércios, Escolas e Faculdades, Condomínios, Clubes, entre outros cenários. O sistema ainda pode funcionar parcialmente, apenas com a medição da temperatura ou somente com o reconhecimento facial, se adaptando à diversas funções e demandas.

A tecnologia à prova de futuro garante o uso da solução mesmo pós-pandemia, o terminal possui recursos técnicos biométricos para o Reconhecimento Facial, que pode ser integrado à um sistema de controle de acesso mediante estudo, tem a função de vídeo porteiro com comunicação bidirecional de áudio e vídeo com a  opção da abertura remota da porta controlada e também pode sem integrado à sistemas de CFTV através do protocolo ONVIF, tornando-se uma câmera de segurança gravando remotamente os acessos.

Notícias Relacionadas

Destaque

Pesquisadores de segurança enganam sistema de reconhecimento facial

Um time de pesquisadores da empresa de cibersegurança McAfee conseguiu enganar um sistema moderno de reconhecimento facial. Os especialistas divulgaram uma…

Destaque

HID Global apresenta tecnologia para automatizar o distanciamento social nos locais de trabalho

Conforme as organizações que fecharam no Brasil retomam suas operações, novos requisitos para criação de ambientes de trabalho seguros para…

Artigos

Transformação do sistema de videovigilância do setor bancário com tecnologia IP

Por Luis Miguel Dávila, Gerente de Vendas e Engenharia da Hanwha Techwin para a América Central A capacidade dos sistemas…