Tecvoz e Camerite firmam parceria com a Prefeitura de São Paulo para o programa City Câmeras

A Tecvoz e a Camerite firmaram parceria com a Prefeitura de São Paulo através da doação de câmeras de alta resolução, doação do serviço de armazenamento de imagens em Nuvem e da liberação de acesso a plataforma e aplicativo de monitoramento das câmeras para a primeira fase do programa City Câmeras. O projeto tem o objetivo de inibir a ação de criminosos e aumentar a segurança na capital paulista com a participação da sociedade civil, empresas e com o Governo do Estado de São Paulo. A iniciativa faz parte do programa Cidade Segura e prevê a instalação de 10 mil câmeras por toda a cidade até 2020.

Ao todo, foram doadas 500 câmeras, sendo que 248 câmeras já foram instaladas no bairro do Brás com o apoio de empresas privadas – 230 IP Varifocal de 2 megapixels e 18 câmeras PTZ de 3 megapixels. As câmeras possuem tecnologia inteligente, o que significa que as imagens gravadas não correm o risco de serem perdidas, mesmo que haja perda de sinal de internet. Caso ocorra uma interrupção, as imagens são armazenadas dentro do equipamento (até 8GB de gravação), e quando a conexão é restabelecida, a câmera sincroniza e envia as imagens gravadas para a Nuvem.

A ideia da Tecvoz e da Camerite é continuar a parceria com a Prefeitura e doar mais equipamentos e acessos à plataforma de monitoramento para vigiar outros bairros residenciais e comerciais. “Esse modelo do Brás será levado para outras regiões da cidade, como José Paulino, 25 de março, Largo 13 de maio e assim por diante. Queremos fazer de São Paulo a cidade mais monitorada eletronicamente do Brasil”, disse o Prefeito João Doria, no lançamento do projeto City Câmeras.

As câmeras e o sistema de monitoramento serão integradas ao sistema do COPOM – Centro de Operações da Polícia Militar do Estado de São Paulo, e ao Detecta, sistema de monitoramento inteligente do Governo de São Paulo, e as imagens ficarão armazenadas por 24 meses na solução em nuvem da Tecvoz. A Polícia Militar, Polícia Civil e a Guarda Civil Metropolitana terão acesso a essas imagens, que serão uma importante ferramenta do poder público para detectar, prevenir e reagir a situações de emergência, além monitorar o patrimônio público, escolas, hospitais, ruas, avenidas, pontes e passarelas da cidade.

“Nós procuramos o secretário municipal de Segurança Urbana, José Roberto de Oliveira, e mostramos a nossa plataforma em Nuvem e as nossas câmeras de alta definição. A simplicidade de operação e a qualidade das imagens impressionaram o secretário, que viu que tínhamos a solução perfeita que o projeto precisava. Nós participamos do City Câmeras pela importância que damos a cidade de São Paulo e por acreditarmos que esse projeto é um exemplo a ser seguido. Como a Tecvoz tem estrutura em praticamente todos os estados, conseguiremos viabilizar o projeto de monitoramento para todo o Brasil. Queremos fazer história junto com São Paulo”, explicou Paulo Yoon, Diretor Comercial da TecVoz.

Lançamento do site City Câmeras

A Prefeitura também lançou nesta terça-feira (11), o site do City Câmeras, com orientações à população e a empresas sobre como participar do programa. O site será uma plataforma de monitoramento de segurança da cidade, reunindo imagens de todas as câmeras conectadas ao sistema e que poderão ser acessadas diretamente pelos distritos policiais, garantindo mais agilidade nas ações de prevenção e combate ao crime e contribuindo nas investigações. O sistema também é integrado ao Detecta, da Secretaria Estadual da Segurança Pública.

“O que nós estamos fazendo é integrar o que já existe na cidade de São Paulo. Hoje, quando acontece um crime, a Polícia Civil recebe a informação e faz uma ação no local para achar onde estão as câmeras. Agora, damos endereço a essas câmeras. A polícia já consegue acessar. A finalidade é criar a dificuldade para a prática do crime na cidade”, disse o secretário de Segurança Urbana, José Roberto Oliveira.

 

 

Prefeito João Dória com Paulo Yoon (Diretor Comercial da TecVoz) e Cristian Aquino (Diretor da Camerite)

Prefeito João Dória e a Selma Migliori (Presidente da ABESE)

Prefeito João Dória e Cristian Aquino (Diretor da Camerite)

Notícias Relacionadas

Destaque

Monitoramento veicular alerta para fadiga e uso de celular 

Sistema analisa imagens no interior da cabine e emite alertas para motorista e gestor de frotas Imagine um sistema de…

Destaque

Como a segurança é garantida em eventos que lidam com grandes públicos?

O Brasil tem se destacado no cenário internacional como um dos principais destinos para grandes eventos, atraindo multidões de fãs…

Destaque

Axis Communications Brasil recebe certificação Great Place To Work

Para 95% dos colaboradores, a empresa, que já conta com a certificação na Europa, Oriente Médio e África, é um…