Seventh Tech Conference 2018 reúne convidados das principais empresas do setor de segurança

Nos dias 22 e 23 de novembro de 2018 na ilha de Florianópolis-SC, a Seventh preparou uma experiência única para seus clientes de diversas partes do Brasil. Com 150 convidados exclusivos, o Seventh Tech Conference 2018 proporcionou para a empresa, uma aproximação ainda maior com seus parceiros e clientes.

O evento aconteceu no hotel Jurerê Beach Village, na paradisíaca praia de Jurerê Internacional, reunindo palestras e debates em um clima propício para a troca de ideias e de boas práticas entre os participantes. Organizado pela Seventh, o Seventh Tech Conference 2018 foi patrocinado pelos parceiros de negócios: Control ID, Fulltime, Intelbras, Lacerda, Moni, Nice, PPA, SCond, SDC, Somaseg, Uniview, Utech e obteve o apoio da ABESE e da Revista Segurança Eletrônica.

A palestra de abertura foi com o diretor Carlos Schwochow, que contou um pouquinho da história da Seventh, demonstrando em uma espécie de linha do tempo os períodos marcantes da empresa. “Começamos desenvolvendo hardwares e nem sonhávamos chegar onde estamos agora. Hoje com mais de 1 milhão de câmeras monitoradas, nossos sistemas já estão presentes em mais de 10 mil projetos de monitoramento. São mais de 500 empresas utilizando nossas soluções para prestar um ótimo atendimento aos seus clientes”, destacou Schwochow. No segmento de centrais de monitoramento de imagens, a companhia possui mais de 90% do mercado brasileiro. Nos últimos 6 anos a Seventh foi vencedora do prêmio de “Melhor Inovação Tecnológica”, sendo que em 2018 ainda conquistou o prêmio de “Inovação Tecnológica para Segurança Eletrônica” com a Chave Virtual, “Melhor Software VMS” com o D-Guard e “Melhor Solução para Gravação de Imagens em Nuvem”, com o D-Cloud.

Depois começaram as palestras sobre as inovações e lançamentos da Seventh com as melhorias realizadas no sistema D-Guard, software de videomonitoramento, apresentadas pelos integrantes da equipe de desenvolvimento da Seventh.

Na nova versão já é possível integrar outros aplicativos e sistemas ao D-Guard através de uma API pública, além da possibilidade de criação de eventos customizados de acordo com a necessidade do usuário, fazendo com que o sistema atue em conjunto com outras soluções, com o objetivo de otimizar operações de controle, segurança e monitoramento.

Também foi apresentada a nova funcionalidade de Bookmarks do D-Guard, que surgiu a partir da necessidade de marcações em um determinado evento de vídeo, além do “radar”, nova funcionalidade que permite gerar um evento de velocidade máxima ultrapassada e executar determinadas ações quando um veículo for registrado cometendo a infração. Esta necessidade foi apresentada em um projeto de condomínio horizontal, onde o próprio condomínio buscava notificar os proprietários de veículos por excesso de velocidade dentro da área de estacionamento. Para isto, o serviço de análise de velocidade de objetos foi adaptado para permitir configurar o valor da velocidade máxima.

Além destas melhorias, a arquitetura do D-Guard vem sendo evoluída constantemente para acompanhar as necessidades crescentes dos projetos de CFTV e das centrais de monitoramento dos tempos atuais. O aumento da resolução das câmeras, dos frames rates, dos usuários conectados e do número de câmeras gerenciadas pelo D-Guard vem aumentando a cada ano, tanto em projetos, quanto em centrais de monitoramento. Para que o sistema acompanhe esta evolução, foi necessária uma atualização importante na nova versão. Para romper o limite técnico e permitir o uso de maior quantidade de memória RAM, o D-Guard vem sendo portado para 64 bits gradativamente. Atualmente já foram atualizados o compilador, a análise de placas de veículos – LPR, o processador de câmeras fisheye, o banco de dados, o decodificador de vídeo e o código fonte, restando somente o analítico de vídeo, que está em sua fase final da migração.

O D-Guard agora também conta com a opção de multistreams em diferentes níveis, funcionalidade que auxilia na criação de projetos de grande porte. Por exemplo, agora é possível utilizar o D-Guard para projetos multisite, com vários níveis de hierarquia, onde exista um servidor central (a nível nacional) conectado a outros servidores (a níveis estaduais), que por sua vez, podem ser conectados a um terceiro servidor (nível municipal). Neste caso exemplificado, o D-Guard do município envia a stream apenas uma vez para o servidor estadual, que por sua vez, envia apenas uma vez para o nacional, gerando uma enorme economia de banda para o cliente. Na maioria dos softwares do mercado, cada estação a nível federal estaria conectada ao servidor municipal, consumindo a banda de upload muitas vezes para a mesma câmera.

Além do D-Guard em sua versão Desktop, foi apresentada no evento o ambiente Web do D-Guard, que agora pode ser configurar o sistema através de um browser. O ambiente web serve não só para auxiliar em uma nova instalação, mas nas manutenções preventivas e corretivas que se façam necessárias, podendo até diminuir a necessidade de deslocamento técnico para tais atendimentos. O D-Guard Web também possibilita em sua nova versão, o monitoramento ao vivo, que permite ao usuário, além de visualizar as imagens das câmeras no ambiente web, configurar os layouts de exibição diretamente da aplicação.

O Situator, sistema PSIM da Seventh para gerenciamento de eventos e controle de acesso também passou por um processo de redesign em sua interface de monitoramento e configuração e teve mudanças nos recursos de auditorias, que agora permitem que os auditores visualizem não só as operações realizadas pelos operadores, mas também o envio de E-Mails, SMS e as mensagens enviadas pelo sistema. A nova versão do Situator também possui a funcionalidade de atendimento automático, que proporciona mais agilidade no atendimento de eventos, mais precisão nas auditorias e redução das possibilidades de erros nas operações. A Chave Virtual do Situator também foi apresentada com suas melhorias. Agora a Chave Virtual possui suporte à múltiplas contas, determinação de previsão de visitas com expiração de horários, além de diversos upgrades realizados na performance e usabilidade.

O D-Cloud, sistema de armazenamento de imagens em nuvens da Seventh também contou com novas funcionalidades, entre elas, destacam-se a visualização em mapa e o alerta de pânico. Foi demonstrada a aplicação do zoom na área do mapa, evidenciando as imagens das câmeras e também a lista de alertas de pânico recebidos e/ou enviados para os usuários, além de uma prévia do layout do novo aplicativo Mobile do D-Cloud, que será lançado no próximo ano.

O App Mobile da Seventh também passou por diversas melhorias de usabilidade, layout e performance, tudo para garantir para o usuário, uma experiência ainda melhor. Agora o App possui os temas Light e Dark, além de contar com um novo design para a grade de câmeras, novos recursos de pesquisa na área de câmeras e diversas melhorias no ambiente de automação da plataforma.

O grande lançamento da noite foi realizado por Carlos Schwochow em conjunto com Jose Larrucea da RealNetworks (criadora do RealPlayer). O SAFR é uma solução desenvolvida com ferramentas de inteligência artificial e machine learning de última geração e alta performance para reconhecimento facial em tempo real.

Com este recurso é possível fazer a leitura simultânea de diversos rostos de maneira rápida e precisa. Alta precisão e desempenho são essenciais para qualquer solução de Reconhecimento Facial. Os algoritmos que alimentam a plataforma SAFR foram testados pelo NIST (Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia) dos EUA e contrastados com mais de 80 algoritmos diferentes enviados por diversas empresas e instituições de todo o mundo. O SAFR alcançou o maior nível de precisão e desempenho, o que determinou sua posição em uma categoria de excelência. “Estamos entusiasmados em aplicar a liderança da Seventh em monitoramento de vídeo e controle de acesso, para desenvolver e trazer para o mercado soluções inovadoras construídas com a plataforma SAFR, que serão ampliadas por meio de nosso extenso grupo de parceiros”, finalizou Carlos Schwochow, diretor da Seventh.

Após um dia recheado de informações e inovações, a Seventh ofereceu a seus convidados um coquetel de comemoração, proporcionando uma rica troca de ideias e networking, com direito a banda ao vivo e apresentação musical, para que todos pudessem relaxar, contemplar a boa música e aproveitar a estrutura do hotel, à beira da praia de Jurerê Internacional.

No segundo dia, o evento contou com a palestra sobre Smart Cities, sobre a importância de se pensar em cidades inteligentes e o quanto a tecnologia pode auxiliar no desenvolvimento urbano. Também foi apresentado ao público presente os resultados da Seventh Academy, que só no segundo semestre de 2018 realizou 23 certificações técnicas, contando com a presença de 176 pessoas em uma estrutura completa e equipada para a demonstração de todos os recursos das soluções Seventh. Nos treinamentos que ocorrem na Academy, são abordados conteúdos técnicos desde o princípio básico, até o nível mais avançado, permitindo que até mesmo uma pessoa com pouco conhecimento técnico possa obter o conhecimento necessário para explorar as funcionalidades do sistema e extrair o máximo de conteúdo do instrutor.

Para encerrar o evento com chave de ouro, a Seventh proporcionou um almoço em um dos restaurantes mais charmosos de Florianópolis: o Restaurante Villa do Porto, em Santo Antônio de Lisboa, onde foram servidos frutos do mar e pratos típicos da região. Após o almoço os participantes se despediram de Jurerê Internacional e forneceram um excelente feedback sobre o evento que, em sua quinta edição, tem buscado cada vez mais proporcionar um clima de proximidade com os principais clientes e parceiros, gerando uma troca de experiências, ideias e inovações na área de tecnologia.

Notícias Relacionadas

Destaque

Franquia de segurança eletrônica é a nona maior microfranquia do Brasil

A Emive Franchising, alicerçada na marca consolidada de uma empresa com mais de 30 anos de atuação no mercado, vem…

Destaque

Dahua investe em desenvolvimento de segurança cibernética de produtos

A Dahua Technology, como planejamento estratégico anual, tem o objetivo de investir 10% de sua receita no setor de Pesquisa…

Destaque

Prosegur Research analisa os cinco principais riscos para a segurança nos Jogos Olímpicos de Paris 2024

Os Jogos Olímpicos de Paris 2024 acontecem entre 26 de julho e 11 de agosto e serão o maior evento…