Roost apresenta ao mercado novas soluções em segurança

O objetivo é apresentar as soluções e atender os clientes conforme suas demandas

A Roost, empresa de tecnologia especializada em soluções com foco em automação IoT, segurança, monitoramento omnidata, redes, edge performance e armazenamento, anuncia ao mercado novas soluções de segurança cibernética em parceria com empresas renomadas deste setor.

As companhias Sophos, Outpost 24, Arcserve, Versa Networks, F5inc e COSOSYS juntaram-se a Roost para apresentar aos seus clientes novas soluções em segurança, os principais pilares das soluções apresentados serão: Managed Threat Response; Rapid Response; gestão de vulnerabilidade; armazenamento imutável; SD-Wan; SASE; ZTNA e segurança para aplicação.

Eliezer Silveira Filho, Managing Director da Roost  comentou sobre essa nova parceria: “Vamos apresentar uma solução completa para ser referência no setor, com efetividade no combate a ataques cibernéticos e por isso a Roost uniu forças com diversos parceiros renomados para entregar o que há de melhor neste mercado”.

Saiba mais sobre as soluções:

Managed hreat Response Rapid Response são soluções para busca, detecção, resposta a ameaças, averiguação e resposta rápida a invasões de sistema tirando a empresa que está sofrendo o ataque da zona de perigo.

Gestão de vulnerabilidade é basicamente um gerenciamento de sistema sem patches ou mal configurados que facilitam ataques cibernéticos.

Armazenamento imutável que consiste em um armazenamento conectado à rede imutável para proteger seus dados e destinos de backup contra ameaças ransomware, também será uma solução apresentada pela Roost.

SD-WAN é um serviço de rede totalmente gerenciado e seguro que fornece serviços de alta qualidade para conectar sua matriz a qualquer local: redes de filiais, infraestruturas, aplicações na nuvem ou datacenters.

SASE é uma série de medidas adotadas pela empresa para proteger o acesso remoto do funcionário em nuvens ou web.

ZTNA são provedores para se conectar com segurança a aplicativos nas nuvens privadas e públicas com a filosofia de não confiar em ninguém.

Segurança para aplicação consiste na proteção de aplicativos e APIs implantados em nuvens e sites de borda com firewall de aplicativo da web.

“As empresas continuam a crescer e a investir mais em novas tecnologias, criando mais vulnerabilidades à medida que os criminosos cibernéticos procuram novos riscos para explorar. Ao decidir sobre uma solução de gerenciamento de vulnerabilidades, uma consideração importante deve ser o tempo que leva desde a detecção até a correção de qualquer vulnerabilidade crítica”, finaliza. Eliezer Silveira Filho.

Notícias Relacionadas

Destaque

Intelbras lança central de alarme de incêndio endereçável com possibilidade de configuração via Wi-Fi

O produto produzido no Brasil oferece maior facilidade de uso, custo-benefício e segurança A Intelbras, empresa brasileira desenvolvedora de tecnologias…

Cases

Avantia, WeSafer e Farah Service entregam modelo de videomonitoramento inteligente para a Ciclovia Franco Montoro, na capital paulista

A Avantia e a WeSafer, unidade digital independente especializada em inteligência artificial, fecham parceria com a Farah Service – concessionária…

Destaque

Após um ano de uso de câmeras em uniformes, mortes por policiais caem 80%

As mortes cometidas por policiais militares despencaram em 19 dos 131 batalhões do estado de São Paulo um ano depois…