Road Show São Paulo apresentou tendências e soluções para o mercado de segurança eletrônica

Na última quinta-feira (18) aconteceu em São Paulo o Road Show – Destaques da Segurança Eletrônica no Hotel Mercure Jardins. O evento, organizado pela Revista Segurança Eletrônica, trouxe grandes players do mercado que apresentaram tendências para todo o setor.

A CDVI, empresa global de controle de acesso, falou da importância do controlador para os projetos. “O controle de acesso é um sistema que está 100% perceptível no campo de visão do cliente e é também uma solução que substitui e cobre as falhas que outros sistemas possam ter”, disse Silvano Barbosa, gerente regional de vendas da CDVI.

A Ôguen, especializada em soluções israelenses, explicou como utilizar radares integrados a um sistema CFTV para realizar a proteção de perimetral de áreas horizontais. O engenheiro Kleber Reis apresentou o radar SR-500, que a Ôguen, em parceria com a Magos Systems, trouxe para o Brasil. “Esse produto processa a informação dentro do próprio equipamento, dessa forma ele não gera alarmes falsos para o sistema. Ele capta a uma distância de 600m, veículos e embarcações, 400m pessoas e até 100m drones, e tem uma precisão de geolocalização de 40cm. É uma solução ideal para o projeto do profissional de segurança que precisa fazer a cobertura de áreas horizontais como presídios, usinas, postos, aeroportos, campos solares, etc”, explicou o engenheiro.

A XCabos, distribuidora de soluções de infraestrutura, apresentou uma solução para empresas que precisam evitar incidentes na empresa que colocam em riscos as operações do negócio, como temperatura, umidade relativa, alagamento, energia, fumaça, abertura e fechamento de porta e intrusão. Os sensores identificam quando os dispositivos que estão em determinado local são um risco para aquele ambiente e geram um alerta para a central. “A comunicação é feita via SNMP, protocolo de fácil entendimento de vários softwares, e são dispositivos com tecnologia aberta, o que possibilita integrar com diversos softwares. Podemos monitorar desde uma simples sala até grandes data centers, é totalmente escalável. O integrador pode começar com apenas um sensor e ir se aumentando, de acordo com a necessidade do seu cliente”, falou Fabio Moreno, consultor de negócios da XCabos.

A franqueadora Vigia Online realizou um bate papo com o público e explicou como funciona o seu modelo de negócio. “O mercado de franquia para o setor de segurança eletrônica ainda está pouco divulgado. É uma forma para os profissionais que já atuam no segmento e aqueles que querem entrar, poderem começar o seu negócio sem precisar investir em equipamento e gerenciamento. Nós fazemos toda essa parte e o franqueado só precisa se preocupar em atender bem o seu cliente final”, explicou Ted Ricardo, CEO da Vigia Online.

Para encerrar o painel de palestras, Bruno Gouvêa da Giga Security, falou como está a empresa após a fusão com a Multilaser, uma das principais fabricantes de produtos eletrônicos do Brasil e as novidades que a Giga está preparando para o mercado. “Estamos muito satisfeitos com a parceria. Nosso objetivo era multiplicar e é o que estamos fazendo, aumentamos o número de pessoas no suporte, dobramos nosso portfólio, todas as partes do processo se beneficiaram com essa união”, disse Bruno.

Ao fim do evento, os participantes conversaram com todos os players e tiraram dúvidas sobre o mercado e as soluções apresentadas.

“Eu achei que o público do evento é um pessoal muito interessado nas soluções apresentadas e um detalhe que me chamou muito a atenção é que as soluções são muito convergentes. Tudo o que foi apresentado, pode ser instalado o produto de um fabricante com o produto de outro fabricante e com o software que o outro apresentou, porque existe essa convergência de soluções. O que me deixa muito animado é que o segmento de segurança eletrônica é um mercado que tem uma possibilidade de expansão muito grande”, falou Fabio.

Notícias Relacionadas

Destaque

Intelbras lança central de alarme de incêndio endereçável com possibilidade de configuração via Wi-Fi

O produto produzido no Brasil oferece maior facilidade de uso, custo-benefício e segurança A Intelbras, empresa brasileira desenvolvedora de tecnologias…

Cases

Avantia, WeSafer e Farah Service entregam modelo de videomonitoramento inteligente para a Ciclovia Franco Montoro, na capital paulista

A Avantia e a WeSafer, unidade digital independente especializada em inteligência artificial, fecham parceria com a Farah Service – concessionária…

Destaque

Após um ano de uso de câmeras em uniformes, mortes por policiais caem 80%

As mortes cometidas por policiais militares despencaram em 19 dos 131 batalhões do estado de São Paulo um ano depois…