Polícia Rodoviária Federal utilizará drones para patrulhar estradas do Rio de Janeiro

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) vai utilizar drones para auxiliar no patrulhamento de 10 estradas federais do Rio de Janeiro nos próximos meses. As aeronaves não tripuladas serão utilizadas para identificar ladrões de carros e cargas, além de motoristas infratores em trechos onde não há monitoramento por câmeras ou radares.

A adoção da nova solução agradou os representantes dos motoristas que transportam cargas. A categoria vem sofrendo com a maior onda de assaltos já registrada no território fluminense. Só no ano passado foram registrados quase 10 mil roubos de cargas. Este ano, as estatísticas da polícia indicam um ataque de ladrões por hora nas vias do estado.

Além do roubo de cargas, o alto índice de homicídios também preocupa os motoristas que trafegam pelas estradas da região. Em 2016, 152 pessoas foram vítimas de homicídios, 61 a mais que em 2014 nas rodovias do Rio.

Em Mato Grosso do Sul, o uso de drones pela PRF vem propiciando a apreensões de armas e drogas, e até flagrantes de motoristas bêbados ao volante. Um drone também já ajudou a PRF do MS a parar este ano um motociclista flagrado a 198 km/h na BR-463. No Paraná, já auxiliou os bombeiros no resgate de balões não tribulados, que caíram às margens de rodovias que cortam a Serra do Mar.

Notícias Relacionadas

Destaque

Axis Communications Brasil recebe certificação Great Place to Work

A Axis Communications Brasil conquistou a certificação Great Place to Work (ou Melhores Empresas para Trabalhar, em português). O selo…

Artigos

Radares: evolução e aplicação na segurança patrimonial

Por Engº Kleber Reis Eles são destaque nas feiras de segurança no Brasil e no mundo, e não é por…