Polícia britânica vai escanear o rosto de todos os torcedores na final da Champions League

Conhecido como a principal competição de clubes da Europa, a final da 62ª edição da Champions League (Liga dos Campeões da UEFA) contará com sistema de reconhecimento facial para encontrar possíveis terroristas e vândalos no estádio. A final será disputada no dia 3 de junho no Millennium Stadium, em Cardiff, País de Gales.

Os torcedores terão o rosto digitalizado, processado e comparado em tempo real com uma base de dados da policia de cerca de 500 mil pessoas que são procuradas, incluindo terroristas e vândalos. O sistema irá utilizar câmeras do estádio e imagens da estação de trem de Cardiff, localizado próximo ao local, para escanear cerca de 170 mil visitantes.

A medida não agradou a todos os torcedores e gerou grande discussão em relação à privacidade dos usuários. O comissário britânico Tony Porter informou que a polícia deve utilizar a tecnologia de forma medida . “Seguiremos as normas do sistema de vigilância. Eu vi o uso do AFR (Reconhecimento Facial Automatizado) aumentar nos últimos anos, a aplicação requer bons algoritmos, um esforço dedicado de designs, uma equipe multidisciplinar de especialistas, bancos de dados de tamanho limitado e testes de campo para calibrar e otimizar adequadamente a tecnologia”, explica Porter.

De acordo com o governo, serão gastos cerca de US$ 225 mil para o programa piloto. A operação já foi realizada anteriormente pela Polícia Metropolitana de Londres durante o Carnaval de Notting Hill em 2016.

“Eu prevejo o projeto continuando”, disse Porter sobre o uso futuro da AFR pela polícia. “Em termos de aplicações adicionais, posso vê-lo ligando-se com outras tecnologias, como câmeras de corpo, outros bancos de dados e assim por diante”.

Fonte: Motherboard Vice

 

Notícias Relacionadas

Destaque

7 vantagens em utilizar RADARES em um projeto de Segurança Perimetral

Ao elaborar um projeto de segurança de uma instalação, a área perimetral é o local que deve receber a principal…

Destaque

Condomínios recorrem a portaria remota para combater a violência

O Brasil está cada vez mais vertical. Nos últimos 35 anos o número de apartamentos no país cresceu 321%, totalizando…

Destaque

Hikvision passa utilizar inteligência artificial e machine learning para aprimorar o autoatendimento de seus clientes

Além do autoatendimento, os clientes também vão contar com suporte de uma equipe especializada em parceria com a Parkseg Academy…