O que é a muralha eletrônica, sistema de segurança que será implantado em 17 cidades do Vale do Paraíba (SP)

O vice-governador do Governo de São Paulo, Felício Ramuth (PSD) anunciou nesta quinta-feira (20) que uma ‘muralha eletrônica’ será implantada em 17 cidades do Vale do Paraíba.

De acordo com o vice-governador, a medida é um sistema de segurança que vai integrar os recursos de vigilância da Secretaria de Segurança Pública (SSP), responsável pelo serviço policial estadual – leia mais detalhes do anúncio abaixo.

O sistema será implantado em 17 cidades do Vale da Fé e do Vale Histórico – confira abaixo a lista dos municípios contemplados – após conclusão da licitação, que está fase final de elaboração por meio da Agência Metropolitana do Vale do Paraíba e Litoral Norte.

Presidente da Agemvale, o prefeito de São José do Barreiro – uma das cidades envolvidas – Alexandre Braga (PSDB), explica que a muralha eletrônica consiste principalmente na instalação de câmeras de videomonitoramento nas entradas e saídas das cidades e da região.

“Serão instalados 109 pontos de monitoramento inteligente nas entradas e saídas das cidades. Esses pontos serão integrados aos sistema da Secretaria de Segurança Pública, que ficará responsável pelo acompanhamento e análise das imagens”, afirma.

As câmeras de monitoramento serão colocadas nas estradas que atravessam e dão acesso às regiões e farão a leitura das placas de veículos. As informações serão compartilhadas entre todas as forças de segurança.

O projeto atuará especialmente em ações de roubo, furtos e deslocamento de criminosos, que poderão ser rastreados pelas câmeras integradas do sistema.

De acordo com o prefeito de São José do Barreiro, o edital está em fase de final elaboração. A ideia do governo é que a licitação seja concluída em até 45 dias e que a ‘muralha eletrônica’ entre em operação até o fim do ano.

Braga explica que a empresa vencedora do edital será responsável por fornecer os equipamentos, as imagens e a manutenção das câmeras de monitoramento durante o contrato.

Ainda segundo o político, a região é a primeira a receber a medida e foi escolhida por ter cidades com altos índices de criminalidade no estado, como Cruzeiro e Lorena, por exemplo.

Cidades do Vale da Fé:

• Aparecida
• Cachoeira Paulista
• Canas
• Cunha
• Guaratinguetá
• Lorena
• Piquete
• Potim
• Roseira

Cidades do Vale Histórico:

• Arapeí
• Areias
• Bananal
• Cruzeiro
• Lavrinhas
• Queluz
• São José do Barreiro
• Silveiras

Notícias Relacionadas

Destaque

Polícia Federal deve iniciar fiscalização a bancos após 1 ano da publicação da portaria sobre segurança privada

Neste mês, completa um ano desde a publicação da portaria que regulamenta iniciativas para aumentar a segurança da população, empresas…

Destaque

Auvo Lança Auvo Chat na Exposec 2024: Inovação em Comunicação para o Setor de Segurança Eletrônica

A Auvo, plataforma completa de gestão para equipes externas, confirma presença na Exposec 2024 e apresenta uma inovação ao público…

Destaque

Aeroscan e Performancelab na Exposec: onde a segurança e a eficiência se encontram

É com essa mensagem que Aeroscan e Performancelab juntas na Exposec reafirmam a integração de suas plataformas para aumentar o…