Johnson Controls lança software para detectar a presença recorrente de pessoas de interesse

A Johnson Controls apresenta a solução de identificação facial da exacqVision, um sistema que usa inteligência artificial para notificar imediatamente a presença de pessoas de interesse que tenham retornado a uma loja, evento ou outra instalação. A Tyco exibiu a solução no estande 4142 da NRF 2020, a feira da federação americana de varejo, em Nova York, de 12 a 14 de janeiro.

Utilizando análises de deep learning de alta precisão, a identificação facial da exacqVision funciona como um “porteiro” e identifica imediatamente pessoas reconhecidas que entram no local, como suspeitos de furto em uma loja, ou pessoas de interesse em eventos esportivos ou locais de negócios de alto nível.

“O poder da identificação facial da exacqVision é facilitado pelos seus recursos de deep learning, que garantem a precisão, e pelas amplas integrações com as soluções da exacqVision e outras ferramentas de varejo, como vigilância eletrônica de artigos e sistemas de ponto de venda”, afirmou Ryan Hulse, Gerente Sênior de Produtos da Exacq. “Usar essas ferramentas para compor um sistema completo, com detecção e notificação automatizadas, diminui significativamente a carga para a equipe, que tem várias outras responsabilidades a cumprir.”

O mecanismo por trás da identificação facial da exacqVision é a IA da Tyco, uma solução de deep learning em constante evolução que leva recursos analíticos, como classificação de objetos, comportamento e reconhecimento facial, a um novo patamar. Essa solução também usa algoritmos poderosos para personalizar soluções de acordo com as instalações específicas do usuário final. Para automatizar ainda mais essa abordagem, a IA da Tyco harmoniza as soluções de vídeo e controle de acesso para simplificar o gerenciamento de uma instalação em uma única infraestrutura de vigilância, sem precisar da intervenção do operador ou empregar sistemas diferentes.

Em um contexto de varejo, a identificação facial da exacqVision compara continuamente rostos com perfis salvos, identificando até mesmo pessoas de chapéu, óculos e barba. A solução confirma instantaneamente a presença de pessoas de interesse exibindo caixas delimitadoras faciais codificadas por cores. Integrada diretamente ao exacqVision para facilitar a configuração e implantação, a solução pode capturar e inserir automaticamente no banco de dados as imagens faciais satisfatórias acionadas por pedestais de vigilância eletrônica de artigos ou palavras-chave do ponto de venda, alimentando assim o banco de dados de rostos com o mínimo de interação com o usuário. Os usuários também podem ser adicionados manualmente ao sistema.

Se uma pessoa com o perfil registrado retornar ao local, o aplicativo Exacq Mobile pode enviar uma notificação por push aos usuários com a data, hora e imagem da pessoa de interesse. Os funcionários, então, podem tomar as medidas apropriadas de acordo com o evento.

A identificação facial da exacqVision também permite que empresas de outros ramos consultem indivíduos em um banco de dados reconhecido de funcionários demitidos e outras pessoas de interesse, independente de terem sido detectados previamente no mesmo local ou um estabelecimento diferente. Por exemplo, se um funcionário demitido recentemente retornar ao ambiente de trabalho dentro de um determinado período de tempo, a identificação facial da Exacq emite uma notificação instantânea.

Notícias Relacionadas

Destaque

Argentina oferece a seus cidadãos o primeiro programa nacional de identidade digital do mundo

A HID Global anunciou que o governo argentino selecionou sua solução de identificação do cidadão, HID goIDTM, para integrar ao…

Artigos

Boas práticas para garantir uma rede informática segura

Por Rafael Kechichian Hoje, praticamente qualquer atividade do profissional de TI depende muito das redes. Se algum dos componentes contidos…

Artigos

Coronavírus: como as câmeras térmicas podem auxiliar no combate a disseminação da doença

Por Thiago Henrique dos Santos A pandemia do coronavírus, que teve início no final do ano passado na China e…