Hikvision reinventa serviço de segurança pública de Madre de Deus

O município de Madre de Deus, localizado na Bahia, adotou o know-how , sistemas de segurança eletrônica da Hikvision por meio do Programa Madre Total, um framework voltado para construção de um modelo inovador de governança pública orientada a resultados.

Para executar o projeto, a Hikvision teve a visão de utilizar os 25 quilômetros lineares de fibra óptica ao longo dos postes de energia elétrica da concessionária local. O backbone do sistema foi construído especificamente para este projeto, encapsulando diversas tecnologias de gestão. “Priorizamos a política de segurança pública por conta dos crescentes índices de homicídios e furtos na cidade”, disse Igor Oliveira, Secretário de Planejamento de Madre de Deus.

Para executar o projeto, a Hikvision teve a visão de utilizar os 25 quilômetros lineares de fibra óptica ao longo dos postes de energia elétrica da concessionária local

Com a participação do integrador local Alditec, a Hikvision foi a vencedora do edital de licitação ao garantir a proposta mais completa e com melhor custo-benefício. Assim, ao longo de seis meses, foram implantadas 89 câmeras speed dome, sendo 23 do modelo 276 – 1.3 MP e 66 do modelo 284 – 2 MP. Para a gravação, três NVR 9600 Hikvision foram adquiridos. Nas operações de vigilância, 12 joysticks Hikvision DS-1100KI e sistema de gestão o IVMS-4200. E para realizar o monitoramento da equipe dentro das Salas da Unidade de Gestão Integrada, oito câmeras Bullet Hikvision DS-2CD1001-I foram selecionadas.

A implementação do projeto Hikvision teve impacto na segurança pública da cidade de Madre Deus. A redução foi significativa do número de homicídios. Segundo levantamento municipal, os números saíram de 14 homicídios em 2014, para dois homicídios em 2015 e 2016, três em 2017 e nenhuma ocorrência em 2018. Além disso, no evento de Carnaval do município, cinco pessoas foram identificadas por meio do sistema de reconhecimento facial das câmeras instaladas, facilitando a apreensão por parte das autoridades policiais.

“A cada cinco ruas, temos um ponto remoto de operação com uma câmera speed dome”, falou Jefferson Timo, Gerente de Desenvolvimento de Negócios Verticais da Hikvision do Brasil. Nestes locais há hotspots distribuindo Internet banda larga e sonofletores conectados à câmera para alertar o cidadão por meio de comunicação audível. Os locais foram definidos em conjunto com a inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia.

Para garantir a efetividade do sistema, a Hikvision também capacitou a equipe de operadores, formada por servidores municipais, policiais militares e civis. Este foi um desafio especial em função da necessidade de alinhar não só os profissionais envolvidos, mas também a população da cidade de Madre de Deus. Para isso, foi criada uma Lei de Segurança Pública consolidando regras de ética e conduta. “O objetivo do regulamento é informar às comunidades beneficiadas com o sistema de videomonitoramento Hikvision de que o projeto não invade a privacidade delas”, concluiu Igor.

Notícias Relacionadas

Segurança Eletrônica

Johnson Controls apresenta as novas câmeras Illustra Pro com tecnologia WDR inteligente

A Johnson Controls aumentou a família de câmeras Illustra Pro com o lançamento da mini-dome Illustra Pro. A novidade incorpora…

Em Foco

Em Foco Genetec: Ampliação do leque de verticais

Somente em 2018, a Genetec registrou o dobro em vendas em relação ao ano anterior, e neste ano já apresenta…

Destaque

ISS apresentará tracking de acesso durante a ISC 2019

Líder no desenvolvimento de sistemas de vigilância de segurança e vídeo analíticos, a ISS anuncia sua participação na ISC 2019,…