Conector RJ45 da Schneider Electric é o primeiro da indústria com capacidade de transmitir 100 watts

A solução de cabeamento estruturado Actassi S-One, da Schneider Electric, especialista global em gestão de energia e automação, recebeu a certificação do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE), por sua capacidade de transmitir 100 watts de potência usando a tecnologia Power over Ethernet (PoE). O reconhecimento destaca o primeiro conector da indústria que atende aos requisitos do padrão que está programado para entrar em vigor em 2018.

“Este é um avanço significativo na tecnologia PoE e reforça a dedicação da Schneider Electric para oferecer soluções eficientes, conectadas e que estão à prova do futuro “, afirmou Felipe Martins Francisco, gerente de produto de cabeamento estruturado da Schneider Electric. “À medida que os edifícios se tornam mais inteligentes e incorporam uma variedade mais ampla de tecnologias conectadas através da Internet das Coisas, a necessidade de energia só aumenta. Estamos orgulhosos de estar na vanguarda da criação de tecnologias de infraestrutura críticas que viabilizarão os edifícios do futuro”, concluiu.

O PoE permite a alimentação de dispositivos eletrônicos, como iluminação LED, telefones IP, câmeras e pontos de acesso sem fio (Wifi), e com o aumento da capacidade de transmissão via cabeamento estruturado se torna possível ligar equipamentos que exigem maior consumo, como notebooks e TVs de LCD. A figura abaixo mostra o avanço da tecnologia PoE:

A tecnologia permite forte redução da infraestrutura elétrica já que é possível aproveitar a necessidade de conexão Ethernet do equipamento via cabo de rede para também levar energia, evitando assim a criação de mais um ponto de energia, além da capacidade de configuração de dispositivos para ligar e desligar nos momentos desejados, resultando em economia de energia e segurança, porque a criação de uma fonte de alimentação centralizada elimina o risco de choque elétrico.

O Actassi S-One RJ45 faz parte do portfólio global da Schneider voltado para conectividade de rede. As soluções são projetadas para exceder os padrões internacionais mais avançados, incluindo ISO / IEC 11801 para conexão de hardware.

Notícias Relacionadas

Cases

Grupo Unidasul adota solução óptica Furukawa em centro de distribuição e em novas unidades no Rio Grande do Sul

Com a expansão de sua rede de supermercados Rissul e de atacarejos Macromix pelo estado do Rio Grande do Sul,…

Destaque

Datacenters precisam de vigilância RSA para garantir segurança

Esta ferramenta do Genetec Security Center combinado ao uso dos sensores existentes ajuda a lidar proativamente com ameaças antes que…

Destaque

Como a tecnologia pode aprimorar a segurança em cidades inteligentes?

Apesar de o conceito de cidade inteligente ser relativamente recente, ele já se consolidou como assunto fundamental na discussão da…