O futuro do controle de acesso

Sabrah atende os moradores do condomínio por meio do WhatsApp

Por Fernanda Ferreira

Não é segredo para ninguém que o mundo está em processo de transição rumo a transformação digital. O avanço de tecnologias como inteligência artificial, aprendizagem profunda e reconhecimento facial está mudando a maneira como vemos e lidamos com as informações geradas por esses recursos.

Uma das tecnologias que tem contribuído bastante com essa mudança – e que tem um futuro promissor – é o assistente virtual. Sistemas como Google Assistente, Siri (Apple), Cortana (Microsoft) e Alexa (Amazon) estão entre os assistentes mais populares do mundo. Trata-se, basicamente, de um software que acessa um banco de dados e rapidamente consegue gerar uma resposta para a solicitação do usuário.

E agora essa novidade também pode ser aplicada em projetos de segurança eletrônica. A TovTec, empresa de desenvolvimento de tecnologia e parceira do Grupo Haganá, disponibilizou no mercado a Sabrah, uma assistente virtual que atende aos moradores de condomínios residenciais e comerciais por meio do WhatsApp – o cliente final não precisa instalar nenhum outro aplicativo, tudo é realizado através do famoso “Zap Zap”, que nos últimos anos tornou-se o app mais popular no mundo.

“Criamos a Sabrah para humanizar as tecnologias de ponta para o usuário. O nome Sabrah foi inspirado na fruta, que cresce nos cactos dos territórios de Israel – por dentro essa fruta é macia e tem o sabor doce, mas por fora é dura e espinhosa –, e é exatamente assim que o controle de acesso deve ser: cordial e ao mesmo tempo rígido”, explicou Wilton Hirose, diretor de Negócios e co-fundador da TovTec Sistemas e Soluções.

A assistente virtual é representada por um avatar feminino que realiza ações após receber comandos. Uma das funções do software é o controle de acesso ao condomínio. Toda vez que um visitante chega, ela entra em contato com o morador, via WhatsApp, e envia uma foto para solicitar a autorização. Com comandos simples como SIM ou NÃO, o morador pode interagir com ela, autorizando ou não a entrada do visitante.

Além disso, o morador pode compartilhar antecipadamente com a Sabrah o convidado que ele irá receber. Nesse caso, o morador compartilha o contato com a assistente virtual, que irá mandar um convite para esse visitante, pedir para tirar uma foto, devolver essa foto para o morador confirmar, e assim o visitante recebe um QR Code da Sabrah, facilitando a entrada dele no condomínio, já que o porteiro também recebe um aviso com a foto do visitante informando que ele está liberado.

O Condomínio Jardim Leopoldina, localizado na região de São Paulo, é um dos condomínios que tem a assistente virtual Sabrah implantada no seu sistema de segurança. O complexo conta com 396 apartamentos distribuídos em quatro torres, somando um total de 1600 moradores (em média).

“Nós contamos com dois porteiros de dia e dois a noite que realizam o controle de acesso de todo o complexo, e consideramos a Sabrah como mais uma funcionária, porque ela facilita muito a vida dos condôminos e das pessoas que trabalham no condomínio”, falou Maria Idalina Machado, síndica profissional do Condomínio Jardim Leopoldina. “A Sabrah também é uma forma de implantar segurança, uma vez que o porteiro não precisa mais falar com o visitante, depois ligar para o morador para pedir liberação. Tudo isso demanda tempo e desvia a atenção do controlador de acesso que está ali para observar tudo o que acontece. Quando ele está preocupado em ligar para o apartamento para ver se pode liberar, ele perde a atenção na segurança”, completou a síndica.

Em caso de festas no condomínio, o morador pode enviar toda a lista de convidados previamente para a assistente virtual. Ela envia para cada convidado um QR Code e o mapa com a localização do condomínio. Quando o visitante chega só precisa validar o QR Code, o sistema de controle de acesso do condomínio faz a liberação automática através do sistema da Sabrah. Já o porteiro, recebe no seu sistema a foto desse convidado e confere se a pessoa da imagem é a mesma pessoa que está validando o código de acesso.

Outra função disponível na Sabrah é o envio de notificações quando uma encomenda chega no condomínio. “Aqui nós temos uma mensageria, onde recebemos todas as encomendas – correio, transportadora, office boy –, a Sabrah avisa ao morador que chegou à encomenda e junto com essa mensagem vai um QR Code para a pessoa ir até a mensageria retirar o pacote. Não tem mais aquela coisa de ficar pegando caderno, protocolando, assinando, isso facilita muito a vida das entregas das encomendas. Tudo fica registrado no sistema, é bem seguro”, falou a síndica Maria Idalina.

A assistente virtual Sabrah pode ser instalada em qualquer condomínio residencial ou comercial que possua controle de acesso em sua portaria. Caso a estrutura tenha o recurso de reconhecimento facial, o QR Code não é utilizado, e a liberação é feita pelo reconhecimento do rosto do visitante.

Notícias Relacionadas

Revista

A primeira edição de 2020 está no ar!

Nesta edição trouxemos uma reflexão sobre sobre a nova forma de ataque cibernético usada por crimonosos, chamada deepfake. Também apresentamos…

Cases

Proteção ativa contra roubos

Geradores de neblina reduzem em 70% ação de criminosos em rede de lojas de eletroeletrônicos; projeto de segurança contempla câmeras IP,…

Cases

Portaria remota: tranquilidade e segurança

Análise inteligente das imagens, segurança perimetral e botão de pânico que funciona mesmo longe do apartamento são alguns diferenciais implantados…