5 razões que tornam a terceirização a melhor solução para monitoramento de alarmes

Recurso é ideal para pequenas e médias empresas de segurança atuarem sem riscos

Iniciar no mercado de monitoramento não é fácil, principalmente quando o profissional de segurança está começando do zero e conquistando clientes pouco a pouco.

Por isso, a melhor forma de manter os custos controlados e proporcionar uma operação de excelência para os clientes é terceirizando a parte que requer maior investimento e dedicação: a área de atendimento e vigilância.

O especialista Thiago Compri, diretor da Égide Service, explica os principais motivos que tornam a central de monitoramento terceirizada a melhor solução para os empreendedores. Confira!

1. O monitoramento requer um investimento alto

Montar uma estrutura de monitoramento requer um investimento considerável em equipamentos, pessoas, sem mencionar o espaço necessário para acomodar toda a operação. Além disso, cada projeto de monitoramento de alarme conta com uma fabricante de software e hardware diferente, e o profissional de segurança precisa ter as licenças de uso e integrações necessárias para realizar a operação.

Ao terceirizar a central, seu negócio passa automaticamente a ter toda a infraestrutura necessária para a operação.

2. Contratar e gerenciar funcionários não é fácil

É difícil lidar com os problemas do dia a dia em um escritório das 9h às 17h. As questões básicas são agravadas três vezes mais quando os funcionários precisam estar no local 24 horas por dia, 7 dias por semana e 365 dias por ano.

Um problema básico de repente se torna uma emergência 24 horas. Mesmo as questões básicas de RH e treinamento se tornam muito mais desafiadoras quando alguns funcionários nunca entram no escritório durante o horário comercial normal.

Com a central terceirizada toda a dinâmica de funcionários é resolvida pela empresa contratada, tanto contratação e treinamento como custos.

3. É necessário volume para tornar o negócio lucrativo

Os grandes investimentos em equipamentos e pessoal significam que as margens de lucro são bastante apertadas para a maioria das empresas de monitoramento de alarmes. Para ser lucrativo, você precisa ter volume suficiente para justificar a configuração e a equipe de uma estação de monitoramento de alarmes.

“Com a Égide Service o profissional de segurança pode ter margens de lucros bem maiores, mesmo não tendo milhares de contas de alarme. Isso acontece porque cobramos de acordo com o número de contas que ele tem na nossa central, o que permite que mesmo pequenas empresas consigam ter sucesso neste mercado”, explicou Thiago Compri.

 4. A rotina operacional demanda muito tempo

Além dos custos, as estações de monitoramento de alarmes lidam constantemente com falsos alarmes, mudanças de tecnologia e vários problemas de conexão. Cada um desses itens requer alguém com conhecimento e tempo para lidar com o cenário. Se a equipe sênior começar a ser sugada para lidar com esses problemas, esse tempo pode ser gasto em outro lugar.

Na operação terceirizada a empresa é quem lida com as dores de cabeça do monitoramento.

5. Clientes grandes necessitam de mais recursos e opções

Mesmo se você abrir uma central de monitoramento própria, há uma boa chance de que sua operação não tenha os recursos de uma central maior e mais estabelecida.

Por exemplo, se você terceirizar seu monitoramento com a Égide Service e tiver um cliente de alarme na área de infraestrutura crítica, poderá oferecer recursos exclusivos, como opções avançadas de backup; comunicação via rádio, internet e VOIP; controle de centenas de postos de trabalho; diferentes formas de tratativas dos alarmes, entre outros. Isso pode atrair um cliente maior para o seu portfólio.

Terceirizar o monitoramento de alarmes é uma jogada inteligente

Quanto mais tempo você gastar focando nas áreas principais que impulsionam a lucratividade da sua empresa de alarmes, mais o seu negócio irá crescer.

Realizar o monitoramento internamente cria muitas dores de cabeça, exige um grande volume de clientes e pode não ser lucrativo por muitos anos.

A Égide Service é uma das maiores empresas de terceirização de centrais de monitoramento e segurança eletrônica do Brasil e é pioneira no mercado.

Para saber mais como funcionam as soluções e como implementar os serviços, entre em contato com a Égide, acesse: www.egideservice.com.br.

Notícias Relacionadas

Artigos

Radares: evolução e aplicação na segurança patrimonial

Por Engº Kleber Reis Eles são destaque nas feiras de segurança no Brasil e no mundo, e não é por…

Artigos

Cybersecurity, redes sociais e higienização

Por Fernando Só e Silva e Felipe Gonçalves Vivemos hoje a 4° Revolução Industrial ou também, defendida por alguns profissionais…

Destaque

Drone com sensores e que se carrega sozinho substitui câmeras de segurança interna

Fabricante recebeu um financiamento de US$ 15 milhões para continuar o desenvolvimento do aparelho A segurança realizada por drones está…