5 razões pelas quais os varejistas devem mudar o sistema de vigilância para a nuvem

Você já viu uma loja de varejo sem alguma forma de vigilância por vídeo? Provavelmente não. Para a maioria dos comerciantes, os sistemas de videovigilância são indispensáveis ​​para proteger os funcionários, clientes e ativos. O desafio? O custo da compra e instalação dos produtos, como câmeras e servidores. Às vezes, é mais realista manter equipamentos do que investir em novas tecnologias.

A aplicação de solução em nuvem pode ser uma maneira econômica de transformar a infraestrutura em um ambiente de TI consolidado. Isso ajuda os varejistas a responder de forma mais rápida e eficiente às necessidades dos clientes.

Um exemplo é a rede de varejo de tecnologia na Holanda, chamada Leapp. Quando os revendedores começaram a expandir a loja, eles precisavam de uma solução de monitoramento fácil de usar, acessível e escalável. Ao optar por uma solução baseada na nuvem, eles foram capazes de se juntar a um programa com um número reduzido de câmeras, licenças de software e manutenção em uma taxa mensal baixa, optando por uma solução de vigilância por vídeo baseada na nuvem.

Aqui estão alguns benefícios ao mudar o sistema de vigilância para a nuvem:

Custos mensais previsíveis
Com a vigilância baseada na nuvem, é fácil orçar e planejar o crescimento. Para cada nova localização, os gerentes podem determinar rapidamente o número de câmeras necessárias e os custos mensais para todo o sistema.

Monitoramento central acessível
Se houver vários locais, os proprietários ou gerentes podem monitorar todos os sistemas de vídeo a partir de uma localização central. Um serviço baseado na nuvem pode facilitar o monitoramento de vários sites.

Investigações remotas fáceis
Se um alarme for desligado, os gerentes regionais podem acessar rapidamente o vídeo a partir de um telefone celular ou computador. A interface é fácil de usar para que eles possam encontrar o vídeo em segundos e exportar com segurança a evidência.

Valor operacional impressionante
Com visualização remota a partir de um telefone, os varejistas podem exibir potenciais proprietários e investidores sobre quais lojas se parecem e como operam. Os gerentes usam vídeo para treinar funcionários ou entender melhor os clientes e como eles fazem compras.

Cibersegurança resiliente
Os serviços na nuvem são construídos com os mecanismos de segurança de alto nível para garantir que os dados e os vídeos sejam sempre seguros e disponíveis. Os varejistas também recebem regularmente atualizações com novos recursos que garantem que ele permaneça desse jeito.

Fonte: Genetec

Notícias Relacionadas

Destaque

PositivoSEG orienta empresas que pretendem investir em segurança eletrônica e não sabem por onde começar

Diretor de IoT, José Ricardo Tobias elenca cinco passos iniciais que vão garantir uma escolha inteligente para proteger os ativos…

Destaque

LogPlace inicia transporte de cargas de alto valor em parceria com a TBForte

O lançamento do serviço foi marcado por uma homenagem ao piloto Ayrton Senna com transporte do capacete utilizado em 1988…

Cases

Lotérica reduz custo na gestão de numerário e zera perdas com cofre inteligente

Cansado de assaltos e de perder horas do dia fazendo a contagem das cédulas, o empresário José Eduardo Nogueira de…