Security Talks reuniu especialistas que debateram sobre as principais tendências do mercado de segurança

Apresentar conteúdo e soluções relevantes sobre o mercado de segurança, esse foi o objetivo da 2ª edição do Security Talks SP 2017 realizado no dia 26 de outubro, em São Paulo. O evento, direcionado para gestores de segurança e tecnologia, tanto do setor público como do privado, trouxe um dia completo de conteúdos exclusivos e relevantes para os mais de 100 participantes, com troca de experiências, oportunidade de network e bate papo com especialistas. Temas como análise de riscos, Internet das Coisas (IoT), inovações em analíticos de vídeo e de áudio, cibersegurança e computação cognitiva foram amplamente debatidos.

Dez especialistas conduziram o painel de palestras e debates que teve início com a apresentação do gerente de segurança do Hospital Albert Einstein, Dov Smaletz, que falou sobre gestão de crise nas organizações e a importância da preparação interna, treinamentos e integração com órgãos públicos para reduzir possíveis danos de um atentado a segurança da empresa.

Na sequência, Ivo Frazão, gerente de produtos da Startup Áudio Alerta, palestrou sobre audiomonitoramento com analíticos de áudio, os avanços tecnológicos do reconhecimento de sons em eventos e como isso pode ser aplicado no segmento de segurança.

Com uma abordagem mais empreendedora, José Carnaúba, consultor de segurança que possui uma extensa bagagem na gestão de segurança em grandes corporações, mostrou como verificar se os ROI (retorno sobre investimento) realizados em segurança estão trazendo retorno para a organização.

Na área de reconhecimento facial, Vinícius Criado, gerente de negócios da Hikvision, compartilhou um caso real do uso dessa tecnologia no Shopping Rio Sul, no Rio de Janeiro.

Silvio Aragão, diretor executivo da Avantia, selecionou as tendências da visão computacional do mundo e o impacto dessa tecnologia na segurança. “A análise de vídeo é a principal ferramenta de análise cognitiva e os gigantes da informática, como Google e Microsoft, acordaram para esse mercado e estão se aproximando. Até 2019, 80% do tráfego global de dados será de vídeo”, explicou Aragão.

Os drones também foram alvos de debate no Security Talks. Raoni Franco, gerente de marketing da Avantia, conduziu o debate trazendo algumas situações de ameaça que as empresas não estão atentas, como ações de espionagens e invasões, e apresentou algumas tecnologias inovadoras que estão sendo testadas no mundo para combater drones invasores.

Assuntos como controle de acesso e inteligência na segurança corporativa também foram debatidos no evento. Aureo Miraglia, editor do Jornal da Segurança, compartilhou suas experiências quando atuou na implantação de inteligência de segurança nos níveis estratégicos, táticos e operacionais, e Hudson Carvalho, CEO na CH Tecnologia falou sobre dez gatilhos que estão redefinindo o controle de acesso.

Representando o setor público, Romero Meneses, ex-diretor executivo da Polícia Federal, explicou como criar entre os colaboradores da empresa uma cultura de segurança e os benefícios disso para a organização. Já Fernando Araújo, especialista em rede de computadores há 20 anos e atualmente gerente de TI da Avantia, trouxe dicas de como tornar uma rede de CFTV mais segurança, explicando procedimentos práticos de como ajudar a proteger o sistema de segurança de uma organização de ataques virtuais.

Ao final do evento, Christian Visval, diretor da Revista Segurança Eletrônica, mediou um debate sobre a produção de tecnologias de segurança de Israel e do Brasil. A mesa foi composta pelo empreendedor Endeavor, Eduardo Ferreira Lima, que esteve recentemente em uma missão de imersão em Israel, e pelo chefe de segurança do Consulado Israelense Yogev Ben Yoav.

“A Avantia quer estar perto de quem ouve os problemas de segurança no Brasil e propõe soluções que realmente resolvam. Acreditamos que fomentar a capacitação nesse mercado é bom para todos”, disse Raoni.

O próximo Security Talks acontecerá em Recife, Pernambuco, no dia 22 de março de 2018. Já a 3ª edição de São Paulo será novamente no mês de outubro (de 2018).

Notícias Relacionadas

Destaque

CDVI participa de um ciclo de palestras da FMU para alunos de Telecom e TI

No dia 13 de novembro a CDVI participou do ciclo de palestras promovida por professores e coordenadores dos cursos de…

Destaque

Evento Soluções de Segurança terá palestras técnicas e debates; inscrição gratuita

Acontece no dia 29 de novembro (quarta-feira), em São Paulo, o último encontro do ano organizado pela Revista Segurança Eletrônica….