RIOgaleão Cargo investe em câmeras que visualizam cores no escuro

O terminal de cargas do Aeroporto Tom Jobim, RIOgaleão Cargo, não tem restrições de capacidade e opera 24/7. Com 45,000 m² de espaço de armazenagem, mais de 13.780 posições de espaço de prateleira e 17.000 m³ de modernas instalações de armazenamento a frio, a concessionária do aeroporto, que investiu R$ 26 milhões em equipamentos novos e melhorias de infraestrutura, decidiu por um sistema de segurança moderno com câmeras Axis Communications de alta resolução e recursos pensados especificamente para os desafios comuns a portos e terminais de cargas.

Após testes realizados no próprio aeroporto, foram adquiridas câmeras AXIS P1365-E equipadas com tecnologia Lightfinder, para fornecer imagens coloridas no escuro ou com muito pouca luz. Elas foram instaladas na área de contêineres do RIOgaleão, que está entre os terminais de carga mais movimentados do país.

As câmeras com a tecnologia Lightfinder da Axis têm extrema sensibilidade à luz. Essas câmeras podem fornecer imagens coloridas em menos luz, como 0,18 lux ou inferior. “O que nos levou a adquirir as câmeras para locais com pouca luminosidade foi exatamente o Lighfinder”, contou o Coordenador de Datacenter, Bernardo Hoelz.

Notícias Relacionadas

Destaque

Vizinhanças apostam em câmeras IP e grupos de WhatsApp para se proteger do crime

Diversas regiões de todo o estado de São Paulo, da capital ao litoral, estão apostando em iniciativas próprias para assegurar…

Destaque

Bombeiros de Los Angeles usam drones em aplicações de segurança pública

A DJI anunciou uma parceria de desenvolvimento de soluções com o Corpo de Bombeiros de Los Angeles (Los Angeles Fire…

Destaque

Governo quer regular o reconhecimento facial para vigilância pública

O governo federal quer propor um projeto de lei para regulamentar a vigilância estatal por meio de tecnologias de reconhecimento…