Cinco razões para comprar alarmes

Todo o marketing e discurso de vendas não só no mercado de Alarmes, como de todo mercado de segurança, é apoiado no trinômio: segurança, conforto e tranquilidade. Arrisco dizer que se você acessar as redes sociais ou site das maiores empresas de segurança de sua cidade verá uma casa, uma família sorridente, um cachorro, um gramado verde e duas dessas três palavras.

Em minhas palestras falo de outras palavras além de segurança, conforto e tranquilidade. São mais que palavras. São motivações mais fortes que levariam as pessoas a comprar segurança, pois veem algo além da própria segurança. São razões para comprar alarmes da perspectiva dos clientes e não dos vendedores. Vejamos cinco delas:

1- Longevidade

Usar o alarme somente para evitar que pessoas não autorizadas entrem nas residências ou empresas é pensar dentro da caixa. Você pode vender muito mais do que já vendeu se usar o alarme para evitar que pessoas saiam das casas ou apartamentos, ou seja, para preservá-las.

Sempre ouvimos histórias de crianças que abriram a porta da casa, caíram na piscina e por não saberem nadar, morreram afogadas. Também ouvimos histórias de idosos com Mal de Alzheimer que saíram de casa e nunca mais voltaram, porque não sabiam voltar. Um simples sensor magnético reportaria a uma central de monitoramento quando essas portas fossem abertas de dentro para fora.

2- Liberdade

Tenho um hábito de perguntar aos amigos qual foi a última vez que viajaram. Descubro que muitos homens não viajam porque não querem deixar suas casas e por medo de perder seu patrimônio. Possuem dinheiro, tempo e energia para viajar, mas não liberdade, porque estão presos à suas casas. Vivem numa prisão e se tornaram carcereiros de si mesmos. Então mais do que segurança, eles necessitam de liberdade para saírem de suas casas porque agora elas estão sendo monitoradas.

3- Processos

Mais do que avisar quando um ladrão entra na sua casa ou empresa, você pode monitorar horários de chegada e saída de seus filhos e funcionários, saber quanto tempo ficaram na empresa ou residência. Você pode integrar o painel de alarme a soluções de controle de acesso que vai monitorar, registrar, permitir ou impedir a ida e vinda de pessoas.

4- Proximidade

Vender segurança, conforto e tranquilidade não funciona bem para donos de casa que moram em condomínios residenciais. Por quê? Porque eles já se sentem seguros, confortáveis e tranquilos vivendo nesses condomínios. Uma vez eu estava acompanhando uma venda para uma dona de casa que era empresária e tinha filhos adolescentes. Enquanto falávamos de segurança ela achava alarmes e rastreamento de veículos muito caro. E olha que era mais barato do que a bolsa Louis Vuitton que ela usava. Daí perguntei: Você compraria um sistema que permitisse a senhora monitorar seu filho na hora que desejasse e onde você quisesse pelo celular via aplicativo? Seus olhos brilharam. O que vendi? Proximidade do bebê dela!

5- Distância

Os sistemas de incêndio são perfeitos para automatizar processos onde tenha um alto risco para pessoas, seja em locais de alta movimentação ou em nossas casas. Você pode distanciá-las do fogo, colocando um sensor de fumaça para monitorar e avisar ainda no momento inicial do incêndio. Me pergunto porque não temos sensores de incêndio nos quartos de nossos bebês ou sensores de vazamento de gás instalados em nossas casas.

Você gostou dessas palavras? Grave bem elas e as use quando quiser vender mais Alarmes. Tenho treinado equipes de vendas no mercado de segurança há mais de uma década e ensinado que vender segurança é vender algo mais que segurança, conforto e tranquilidade. Descubra o que seus clientes mais querem comprar e venda o que eles querem comprar.

Marcos Sousa

Marcos Sousa

Diretor da Superação Treinamentos e Consultoria. Graduado em Engenharia Eletrônica pela UFPB. MBA em Administração de Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Trainer e Master em Programação NeuroLinguística (PNL). Conferencista Internacional. Palestrante, Escritor e Especialista em Vendas, Comportamento e PNL. Diretor de treinamentos da Associação Latino Americana de Segurança (ALAS). Diretor da Associação Brasileira de Profissionais de Segurança (ABSEG).

Notícias Relacionadas

Vídeos

Congresso Segurança Eletrônica

Confira como foi o Congresso Segurança Eletrônica 2017  

Segurança Eletrônica

O novo codificador de rede H.264 de 16 canais da Vicon converte entradas de câmera analógica em dados de vídeo IP

A Vicon Industries apresenta um modelo de codificador de vídeo H.264 de 16 canais que converte entradas de câmeras analógicas…