Alta tecnologia para segurança dos moradores

Edifício em Florianópolis que contabiliza quase quatro mil acessos por dia aplicou tecnologia de ponta em todo o condomínio. Agora, os moradores usam celulares e tablets para visualizar visitantes e liberar o acesso de forma remota.

Com quase 18 mil m², 68 apartamentos e 151 vagas de garagem, o Hamilton Araújo Top Residence, em Florianópolis, Santa Catarina, desenvolveu um conceito hightech para os moradores que valorizam comodidade com segurança. O integrador responsável pelo projeto, UNISEC, criou um aplicativo chamado BeSafe, que, por um lado, integra-se ao porteiro eletrônico e, por outro, comunica-se diretamente com a controladora de acessos AXIS A1001 via Bluetooth. Junto com a leitura de cartão/ chaveiro RFID e controle de garagem identificáveis, a solução faz a verificação de acesso.

Para colocar esse conceito em ação, as controladoras de acesso AXIS A1001 foram instaladas na entrada e saída de pedestres, portões de garagem, salões de festas, hall de elevadores das garagens e heliporto.

Além disso, foram instalados interfones IP tanto nas unidades residenciais quanto nas áreas comuns. Com a integração dessa interfonia às câmeras, o morador consegue ver quem está na portaria do empreendimento. Na prática, se o interfone tocar, é possível acessar as câmeras do condomínio através do celular ou tablet e saber quem está na portaria.

Todas as câmeras do projeto também são da Axis: nas áreas como perímetro, garagens e piscina, o Hamilton Top Residence investiu em câmeras AXIS P1405-E. No hall de entrada, brinquedoteca e elevadores, foram instaladas câmeras AXIS M1054. No restante dos 18 andares de apartamentos e nas áreas comuns, os kits AXIS F34 e sensores AXIS F1004 para não interferir na privacidade dos condôminos.

A experiência da UNISEC possibilitou o uso de tecnologia de ponta para condomínios residenciais, com pensamento em longo prazo e à prova de futuro.

Porta de Entrada

O ponto mais importante para a construção de um plano de segurança para condomínios residenciais é o acesso. Por dia, são cerca de 3.800 acessos concedidos no Hamilton Top Residence. Com esse fluxo, a portaria se tornou uma ferramenta de segurança utilizada para a tomada de decisões rápidas pela equipe de segurança.

“O controle de acesso precisa servir como instrumento nas tomadas de decisão e verificação de acontecimentos”, falou Paulo Eduardo Rosa, responsável comercial e CFO na Unisec Tecnologia.

Todas as áreas contam com a controladora de acessos AXIS A1001: acesso externo e interno para pedestres, portões de garagem, salões de festas, acesso ao hall de elevadores das garagens, sala de geradores, sala de telecomunicações, guarita de monitoramento e outros.

As controladoras podem ser facilmente conectadas e alimentadas via rede IP existente sem a necessidade de cabeamento especial. No empreendimento, elas foram instaladas em paredes e dentro de quadros de telecomunicações. De acordo com Anderson Eckhardt, líder técnico da UNISEC, a controladora AXIS A1001 foi escolhida principalmente devido à confiabilidade e energização via PoE.

O AXIS A1001 oferece abertura verdadeira, o que significa que não depende de hardware ou software proprietário. “Além da compatibilidade com diversos fabricantes devido a padronização ONVIF/VAPIX, outro ponto substancial foi a confiabilidade dos produtos, afinal, controle de acesso é o tipo de equipamento que não pode falhar”, afirmou Paulo Rosa.

Normalmente, os acessos são liberados através do sistema TOPTIC Accessus. A verificação ocorre via leitura de cartão/chaveiro RFID, controle de garagem identificáveis e aplicativo móvel BeSafe (solução criada pela UNISEC) que se comunica diretamente com o AXIS A1001 via Bluetooth.

Imagens, Áudio e Integração

O condomínio de 17.950m² é inteiro monitorado por câmeras de rede Axis e com imagens gerenciadas pelo software de videomonitoramento ExacqVision Enterprise. Para o videomonitoramento perimetral, o modelo escolhido foi o AXIS P1405, câmeras de estilo bullet compactas. Para cobrir o perímetro, entrada e saída de garagens, garagem de visitantes e piscina, foram instaladas sete modelos como este.

Ainda na parte externa, foram instaladas câmeras IP AXIS M3045-V para monitorar o hall de entrada que fica na área de fora do edifício. O mesmo modelo também foi utilizado para capturar imagens nos elevadores e hall interno. Ao todo, são cinco minidome fixas AXIS M3045-V, que oferecem qualidade de vídeo mesmo com a variação dos níveis de luz (graças à tecnologia de Amplo Alcance Dinâmico – WDR).

Nos corredores dos 18 andares de apartamentos, foram instalados os kits AXIS F34, com quatro câmeras. “O uso do kit nos corredores dos andares foi uma grande sacada: além da economia de portas no Switch, licenciamento do VMS, cabeamento vertical, há também a vantagem do Zipstream, que reduz os requisitos de largura de banda e armazenamento em 50% ou mais em média”, contou Anderson Eckhardt.

Uma unidade principal AXIS F34 foi instalada a cada três andares, permitindo a distribuição dos sensores de vídeo F1004 nas áreas comuns, utilizando apenas o cabo original de oito metros. Segundo Rosa, o recurso PoE permitiu uma instalação rápida e limpa. As câmeras foram configuradas em ‘formato corredor’ para melhor aproveitamento de toda área, tornando possível capturar vídeo de porta a porta sem afetar a privacidade dos moradores.

Um dos atrativos do condomínio é a brinquedoteca, onde foi instalada a câmera AXIS M1054, que além de imagem, agrega também áudio bidirecional para ter maior controle sobre a brincadeira da garotada – através de avisos sonoros.

À prova de futuro

Muitos condôminos ocuparão o Hamilton Araújo Top Residence por uma vida inteira. Por isso, a preocupação com o legado tecnológico é latente e guiou a escolha dos parceiros do projeto – como a Axis. “Sabemos que daqui 10 anos o condomínio vai poder avaliar toda a solução de segurança e ver que ainda se tratam de equipamentos atuais e que irão permitir fazer melhorias e integrações sem substituir os equipamentos”, avaliou Paulo Rosa.

“Devido à escolha das parcerias certas e todo o know-how da UNISEC, o empreendimento possui diferenciais de ponta a ponta, desde os apartamentos entregues com rede Wi-Fi privativa e internet, até detalhes como segmentação de redes, sistemas operacionais e tempo de garantia dos equipamentos”, concluiu.

Notícias Relacionadas

Segurança Eletrônica

Dermalog anuncia sistema de reconhecimento biométrico para aeroportos e controle de fronteira

A Dermalog acaba de lançar um sistema de reconhecimento biométrico para aplicação em locais como aeroportos e controle de fronteira….

Segurança Eletrônica

Tecvoz lança câmera IP Wi-Fi com tecnologia Plug and Play; assista ao vídeo

A Tecvoz anuncia o lançamento de novo modelo de câmera IP Wi-Fi. O modelo TZO-CI101 conta com áudio bidirecional, tecnologia…

Destaque

Mercado de segurança eletrônica deve crescer 8% no Brasil em 2018

O setor de segurança eletrônica tem expectativas positivas para o mercado brasileiro em 2018. É o que destaca a presidente…